Mercado de ônibus permanece em alta no ano

ônibus

Ônibus urbanos ainda representam maior fatia do setor. Mercado de veículos de transportes coletivos segue com números positivos no ano. Foto: Adamo Bazani.

Vendas de ônibus acumulam alta, mas registram queda em relação ao mês passado
Em comparação com setembro de 2012, a alta foi de 45,6%
ADAMO BAZANI – CBN
O mercado de ônibus em 2013 continua favorável aos revendedores e fabricantes, de acordo com balanço divulgado hoje pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos.
Segundo os dados da entidade, foram vendidas cerca de 3 mil unidades de ônibus em setembro. O número é 5,1% menor que agosto deste ano.
Mas em relação a setembro deste ano, a alta foi de 45,6% .
Os números refletem a recuperação em relação ao fraco desempenho de 2012, quando houve mudança de tecnologia de redução de emissão de poluentes.
Os ônibus ficaram mais caros por causa dos avanços tecnológicos e muitos empresários renovaram antecipadamente a frota em 2011, refletindo nas vendas de 2012.
O baixo ritmo de crescimento da economia brasileira também influenciou nos números do ano passado.
Já para 2013, além da própria recuperação de mercado, as obras de mobilidade para a Copa do Mundo de 2014 e Olimpíadas de 2016, licitações em grandes sistemas de ônibus urbanos e rodoviários e as perspectivas em relação aos setores de fretamento e turismo trazem resultados positivos.
O segmento de caminhões segue o mesmo ritmo: 13 mil caminhões foram vendidos em setembro, 53,1% a mais do que no mesmo período de 2012 – um ano negativo para a indústria de veículos pesados.
Já as vendas de carros pequenos e utilitários leves não foram nada bem de agosto para setembro: queda de 6%, a maior baixa dos últimos seis meses, atingindo 294 mil unidades no mêspassado.
Somados todos os tipos de veículos (motos, carros, comerciais leves, caminhões e ônibus), os emplacamentos caíram 5,9% de agosto para setembro, mas tiveram alta de 7,6% na comparação com setembro do ano passado.
Boa parte desta alta foi impulsionada justamente pelos veículos pesados, como caminhões e ônibus.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: