Viação Estrela de Mauá em Goiás. Ônibus podem operar no Maranhão

-es_1

Estrela de Mauá

Parte dos ônibus da Estrela de Mauá está em Goiás. Frota deve ser usada em empresa de Mário Elísio Jacinto no Maranhão, parceiro de negócios de Baltazar José de Sousa, criador da Estrela de Mauá. Foto: Marco Antônio Chaves / Ônibus Brasil

Ônibus da Viação Estrela de Mauá estão em Goiás
Veículos devem seguir para outras empresas
ADAMO BAZANI – CBN
Parte dos 84 ônibus da Viação Estrela de Mauá foi fotografada em Goiânia, Goiás, nesta terça-feira.
A empresa fundada por Baltazar José de Sousa e presidida por David Barioni Neto está proibida pela Justiça de operar no município de Mauá, na Grande São Paulo.
No final de dezembro e início de janeiro, por ato administrativo da Prefeitura de Mauá, a Estrela sobrepôs as linhas da Leblon, vencedora da licitação do lote 02 da cidade. O ato, no entanto, foi considerado ilegal pela Justiça e os ônibus foram recolhidos depois da intervenção da polícia militar.
Em junho, a Estrela demitiu 130 funcionários da área operacional. Segundo alguns deles, há atrasos em pagamentos prometidos, o que tem prejudicado os trabalhadores.
Judicialmente, no entanto, a Estrela ainda tenta operar em Mauá, mas já teve 12 recursos negados por diversas instâncias.
Com isso, fica mais forte a possibilidade de os ônibus serem usados na frota da VBL – Viação Branca do Leste, em Imperatriz, no Maranhão.
Segundo a rede Mirante, afiliada da Rede Globo, a empresa se associou à Sião Tur, companhia do local, para renovar a frota.
A VBL – Viação Branca do Leste é de Mário Elísio Jacinto, que pertence ao grupo de empresários mineiros, composto pelo criador da Estrela de Mauá, Baltazar José de Sousa, que está foragido da Justiça Federal por crimes contra a ordem econômica. Fazem parte também do Grupo dos Mineiros Ronan Maria Pinto, Renê Gomes de Sousa, Renato Fernandes Soares e Constantino de Oliveira, o Nenê Constantino.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

5 comentários em Viação Estrela de Mauá em Goiás. Ônibus podem operar no Maranhão

  1. rapaz, se tem um estado q ta virando sinonimo de falcatrua é Maranhao: a familia Sarney e agora a familia do seu Balta

    pelo menos la eles nao vao brigar com ninguem por licitacoes. e sim tirar fora os 84 buzoes apreendidos la (foi o q eu entendi)

    • Isso é verdade,sempre que tem algo de errado acontecendo pelo Brasil a fora, é só buscar que se acha o nome da família Sarney no meio,e o Maranhão é quem paga o pato,como se eles fossem nosso símbolo maior,o que não se vê é que o que mais o maranhense quer é se livrar da ligação com essa corja!Não me representa,só me envergonha.

  2. Amigos, boa noite.

    Pelo menos 2 coisas ótimas GOIÁS e GOIANIA.

    Eeeeeeeeeeeeeeeeeeee Goiaaaaaaaaaaaaaaniaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa…

    Um dia eu vou pra lá e não volto nunca mais.

    Sol e lindas cachoeiras.

    Att,

    Paulo Gil

  3. esses ****fez nós assinar um acordo de pagamento da rescisão e hoje vence a primeira parcela e não foi depositado nada.

  4. carloseverton de souza gomes // 28 de agosto de 2013 às 14:54 // Responder

    carlos everton são todos um bando de ladroês a cidade de imperatriz principalmente è que paga o pato

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: