Pegando a Estrada, Comil e Volvo querem ampliar mercado no México

ônibus

Ônibus de dois andares Comil Campione DD, sobre chassi Volvo B 13 R, com motor de 500 cavalos, testado no México, um dos maiores mercados para ônibus produzidos no Brasil. Foto: Divulgação Comil.

Campione DD já é testado no México
Modelo é encarroçado sobre chassi Volvo de 500 cavalos de potência
ADAMO BAZANI – CBN
Com linhas de turismo e rodoviárias que utilizam ônibus de alto padrão, como os modelos de dois andares, e sendo um dos maiores mercados de ônibus da América Latina, o México se tornou ainda mais presente nos planos de expansão das fabricantes de chassi e carrocerias do Brasil.
A Volvo e a encarroçadora Comil fizeram uma parceria e literalmente pegaram as estradas no México.
Já está em testes em diversas empresas do País o Comil Camponione DD encarroçado sobre chassi Volvo B13R, de uma nova versão, cujo motor tem 500 cavalos de potência.
O modelo, além de possuir um design moderno, é considerado topo de linha. As poltronas são feitas de material que acomodam melhor o corpo e possuem monitores de TV individuais, a iluminação é com lâmpadas de led. A carroceria possui, além de ar condicionado com saídas individuais para controle de cada passageiro, também apresenta isolamentos acústico e térmico e uso de materiais mais requintados. Na parte funcional, o posto do motorista apresenta melhor espaço e mais itens de conforto. Há um sistema computadorizado que auxilia no gerenciamento das operações, mostrando em tempo real dados de consumo, velocidade, temperatura do motor, óleo, inclinação da carroceria e eventuais problemas mecânicos.
O modelo deve circular por empresas de grande porte como IAMSA, SENDA, ADO e Estrella Blanca.
As empresas de ônibus, encarroçadoras e fabricantes de chassi, depois das maiores exigências do poder público e da população, aprenderam que não basta colocar um veículo e pronto. O passageiro é o personagem mais importante na cadeia dos transportes. Ele pode optar, principalmente nos segmentos rodoviários e de fretamento, qual empresa prefere.
Assim, ouvir o passageiro é fundamental.
Por isso que os testes, de acordo com a Comil, também contam com uma pesquisa de satisfação ao cliente com os passageiros. Uma ótima estratégia da encarroçadora e montadora. Em mercados marcados pela concorrência, como o fretamento, turismo e rodoviário, a opinião do passageiro pode influenciar na decisão de compra por parte do empresário.

ônibus

Veículo é de alto padrão e possui diversos itens de conforto e segurança, como poltronas que se amoldam ao corpo e monitores de TV individuais. Foto: Divulgação Comil.

No México, a fabricante de carrocerias é representada pela Comilbus México S.A de CV, que fica na cidade de Querétero.
Além de vendas para o segmento de ônibus rodoviários, a representante também comercializou me ocasiões passadas unidades de articulados para o sistema urbano da Cidade do México.
A empresa não só revende, mas atua no pós venda e faz o acoplamento das carrocerias fabricadas em Erechim, no Rio Grande do Sul, sede brasileira da Comil, aos chassis na unidade mexicana, em formato PKD – Partial Knock Down.
A intenção da Comil é realizar parcerias e ampliar a gama de modelos no México.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta