Novo Horizonte volta, é multada e tudo fica por isso mesmo

ônibus

Garagem da Viação Novo Horizonte, hoje chamada Itaquera – Brasil. Empresa é a pior do sistema segundo SPTrans. Trabalhadores cruzaram os braços por benefícios atrasados. Foto; Tatiana Santiafo/G1

Novo Horizonte é multada em R$ 17 mil por paralisação
Ônibus voltaram a operar. Prefeitura mais uma vez diz que companhia é a pior empresa de São Paulo, mas não informou se vai rever o contrato
ADAMO BAZANI – CBN
A Viação Novo Horizonte, hoje chamada de Viação Itaquera-Brasil, foi multada em R$ 17 mil 280 pela paralisação que prejudicou cerca de 200 mil pessoas nesta quinta-feira, dia 18 de julho, afetando 24 linhas que ligam parte da zona Leste de São Paulo ao centro da Capital Paulista.
Após quatro horas de reunião entre representantes da companhia de ônibus, da prefeitura e do sindicato, foi realizada uma assembleia com os trabalhadores que concordaram em voltar ao serviço.
Eles reivindicam pagamento de horas extras, planos de saúde e outros direitos que estão em atraso.
Foi fechado um acordo para que os trabalhadores recebam parte do que a empresa deve.
As outras duas empresas do Consórcio Leste 4 vão fazer um empréstimo de R$ 570 mil para que a Novo Horizonte faça o pagamento dos direitos trabalhistas. Fazem parte do Consórcio Leste 4, as empresas Ambiental Trans (Grupo Ruas) e Happy Play Tour (que antes não tinha nenhum ônibus, mas recebia repasses da prefeitura)
Após a reunião, a SPTrans voltou a criticar a atuação da Itaquera Brasil / Novo Horizonte.
De acordo com o órgão gestor, os problemas da empresa são antigos e ela lidera o ranking de reclamações em números absolutos por parte dos passageiros.
No entanto, nada de a SPTrans dizer que os contratos serão revistos. Segundo a gestora, a reunião desta quinta-feira foi apenas para decidir as questões relativas à greve.
O presidente da Novo Horizonte/Itaquera Brasil, Vilson Ferrari, que teve os bens bloqueados pela Justiça após investigação do Ministério Público sobre a má atuação e suspeitas de desvios de recursos no Consórcio Leste, disse que as contas da empresa não fecham e que a companhia precisa ser melhor remunerada. Vilson Ferrari disse que a tarifa ideal seria de R$ 3,40. Ele teve os bens desbloqueados ao longo do processo.
HADDAD CONFIRMA QUE NOVO HORIZONTE É PROBLEMÁTICA:
No início da tarde, o prefeito Fernando Haddad disse que a empresa poderia ser punida.
“Essa empresa está sendo analisada. Não é de hoje que ela apresenta problemas. Inclusive, apresenta problemas de gestão e a Prefeitura não pode arcar com custos relativos à má gestão da empresa. É um contrato que foi herdado e ele não pode ser revisto sem que a parte jurídica e a parte financeira sejam analisadas”, declarou.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

5 comentários em Novo Horizonte volta, é multada e tudo fica por isso mesmo

  1. Vai continua tudo do mesmo jeito esse prefeito é um banana mesmo

  2. Professor Pardal // 18 de julho de 2013 às 23:14 // Responder

    Pelo amor de Deus SPTrans, se não opera bem, descredencia, tem muitas empresas sérias que adorariam OPERAR no lugar da ITAQUERA BRASIL…..ACOOOORDA SÃO PAULO!!! HADDAD TENHA CORAGEM!!!! Chega de IMPUNIDADE.

  3. Como sempre, tudo acaba em pizza, acordinhos daqui e de lá e tudo está resolvido, e o povo que depende desta condução que se fo…………………………..
    Afonso

  4. O PREFEITO HADDAD SEU O BANANÃO, VAI LHE CUSTAR CARO SUA OMISSÃO,

  5. Ja que o prefeito Haddad nao resolve o problema entao FORA HADDAD!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: