Prefeitura de São Paulo convoca empresas e cooperativas para renovarem contratos

ônibus

Ônibus em São Paulo. Prefeitura se apressa para renovar contratos de concessão. Alguns vencem nesta semana. A renovação deve valer por mais um ano. Foto: Adamo Bazani.

Prefeitura de São Paulo já convoca empresas e cooperativas de ônibus para renovação dos contratos
Alguns vencem esta semana. Neste ano, empresas e cooperativas devem ter arrecadação bruta de R$ 6 bilhões
ADAMO BAZANI – CBN
O secretário municipal dos transportes em São Paulo, Jilmar Tatto, anunciou nesta quarta-feira, dia 17 de julho, que vai renovar nos próximos dias os contratos com as empresas de ônibus (concessão – subsistema estrutural) e cooperativas (permissão – subsistema local).
Alguns contratos, assinados na licitação concluída em 2003, vencem esta semana e a orientação do secretário é que as empresas de ônibus e cooperativas procurem a prefeitura o mais rapidamente possível.
Uma licitação deveria ser realizada este ano. Com contratos de 15 anos para empresas e de 10 anos para as cooperativas, os valores seriam de R$ 46,4 bilhões nestes períodos. O sistema dos cerca de 15 mil veículos e de 1300 linhas da cidade seria concentrado em três SPE´s – Sociedades de Propósito Específico e o número de bases de cooperativas aumentaria de oito para doze.
Mas depois da série de protestos populares questionando os valores das tarifas, a baixa qualidade dos transportes e exigindo mais transparência nos dados referentes ao setor na cidade de São Paulo, o prefeito Fernando Haddad decidiu cancelar a licitação em junho.
As prorrogações dos contratos devem ser assinadas obrigatoriamente já nos próximos dias para nenhuma empresa ou cooperativa operarem de maneira irregular. Os contratos renovados, segundo Jilmar Tatto, valerão por mais um ano, tempo no qual deve ser elaborado um novo modelo de licitação.
A perspectiva é que as empresas e cooperativas tenham arrecadação bruta de R$ 6 bilhões este ano e líquida de R$ 480,9 milhões. Para manter a redução nas tarifas, que em junho voltou a ser de R$ 3,00, as integrações, gratuidades e o Bilhete Único Mensal, previsto para novembro, os subsídios às operadoras em 2013 será recorde e atingirá R$ 1,425 bilhão.
Durante reunião do Conselho da Cidade de São Paulo, o prefeito Fernando Haddad disse que já está definido o modelo de Conselho Municipal de Trânsito e Transportes, que entre outros assuntos relacionados ao tema, vai discutir também o novo edital de licitação.
Serão 39 membros neste conselho, sendo 13 da sociedade civil, 13 da Prefeitura de São Paulo e 13 do setor de transportes (representantes de empresas e cooperativas).
A reunião para o conselho será na próxima quarta-feira, dia 24 de julho.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Prefeitura de São Paulo convoca empresas e cooperativas para renovarem contratos

  1. Amigos, boa noite.

    Tá certo que depois que o Congresso Nacional, entrou em recesso mesmo sem ter votado a LDO; nada mais é sério nesse país.

    Mas mesmo assim eu pergunto:

    Não vai haver nenhuma alteração nos contratos que serão renovados ?

    As piores também estão convocadas ???

    Vão renovar os contratos com as piores

    Então, os mesmo erros vão continuar ??

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: