Prefeitura de São Paulo pode usar venda de terrenos para corredores

ônibus

Corredores de ônibus devem ter parte da verba bancada com vendas de terrenos desapropriados pela Prefeitura. Um dos objetivos, segundo o poder público, é integrar os corredores aos novos investimentos imobiliários e ter recursos suficientes em caixa.

Prefeitura de São Paulo vai vender áreas públicas para construir corredores de ônibus
Serão repassados terrenos para a iniciativa privada que vai erguer empreendimentos nos locais
ADAMO BAZANI – CBN
Conforme prevê o Estatuto das Cidades, a prefeitura de São Paulo deve vender terrenos particulares e que se tornaram públicos depois da desapropriação à iniciativa privada para conseguir parte dos R$ 6,4 bilhões estimados para a construção de R$ 147 quilômetros de corredores de ônibus e 12 terminais municipais até 2016.
A forma como será feito o repasse da área e o pagamento por parte dos empreendedores ainda deve ser definida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano.
Os corredores de ônibus previstos em São Paulo, como nas regiões da Salim Farah Maluf, Celso Garcia, Radial Leste e Avenida dos Bandeirantes devem ter estações de pré-embarque, que permitem o pagamento da passagem antes da entrada no ônibus, e áreas de ultrapassagem para evitar longas filas de ônibus nas paradas.
Só que em vez de simplesmente desapropriar áreas para estas estruturas maiores, a prefeitura estuda ceder quarteirões de áreas que se tornaram públicas para a iniciativa privada erguer condomínios residenciais e comerciais.
A ideia é integrar os corredores de ônibus a estes novos adensamentos habitacionais e de negócios.
Já está em andamento a licitação para 66 quilômetros de corredores de ônibus, que deveriam ser entregues na gestão passada, de Gilberto Kassab. Entre as vias contempladas com espaços preferenciais para ônibus estão: Carlos Caldeira Filho, Engenheiro Luís Carlos Berrini e Avenida Guarapiranga.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

3 comentários em Prefeitura de São Paulo pode usar venda de terrenos para corredores

  1. Amigos, boa noite

    Noooooooooooooooooosssa, acho que nem um radar nuclear é capaz de achar o rumo para o Buzão de Sampa.

    Qual será o próximo chute ?

    Acho que é por que a copa já está quase ai.

    Vamos atualizar a galera.

    Na Salim Farah Maluf, o que tem de ser feito, e rápido, (antes que aquelas monstruosas colunas se degradem) é dar continuidade, ontem, ao tal do VLT prata se não me engano e fazer um ramal até a estação Tatuapé do Metrô e CPTM..

    Pode até ser mais fácil em converter em Expresso Crematório, quem sabe?.

    Corredor na Av dos Bandeirantes, eu já dei essa sugestão creio que há mais de 10 anos atras, ainda na gestão da Prefeita Marta Suplicy.

    Hoje com as novas linhas de VLT, AEROTREN, VOATREM ou sei lá o nome, que estão fazendo nas proximidades da Av. Bandeirantes, acredito que esse corredor já não é mais prioridade, portanto esqueçam este corredor por mais uns 10 anos, que pelo visto não vai fazer diferença.

    Celso Garcia; pela largura da via e sua geometria, tenho minhas dúvidas quanto a viabilidade deste corredor,preciso pensar com mais calma.

    Radial Leste: De imediato, faixa branca, tachões e sinalização, pois esse é emergencial e prioridade zero, depois, se necessário for e se estiver sobrando uma verbinha ou um subsídio ai sim a transformação em BRT.

    Aqui vou arriscar uma idéia fora da “caixinha”; que tal fazer uma linha de Metrô (Vermelha Aérea), sobre a atual Linha Vermelha do Metrô. Colunas, vigas pré fabricadas, linhas trem e páu na máquina.

    Att,

    Paulo Gil

  2. SOU MORADOR NA AV. CELSO GARCIA A MAIS DE CINQUENTA ANOS E SEMPRE HOUVE A ESPECULAÇÃO DE DESAPROPRIAÇÕES, O PROJETO DE UMA LINHA DE METRO PQ DOM PEDRO – SÃO MIGUEL NÃO ETÁ SENDO MAIS COMENTADA, POIS NO LOCAL JÁ EXISTE A FAIXA EXCLUSIVA. PORQUE O GOVERNO FEDERAL INSENTIVA A COMPRA DE CARROS COM BAIXA DE IPI, O PREFEITO E O SECRETÁRIO DE TRANSPORTES NÃO ESTÃO LEMBRANDO DESTE DETALHE . FICA AI MINHA DUVIDA.

  3. Prezado Adamo Bazani,
    Trabalhamos em comercio sito a avenida dos Bandeirantes,1925,Vila Olímpia, pista local da avenida, após viaduto Santo Amaro, sentido marginal Pinheiros.
    Quanto ao futuro corredor da avenida dos bandeirantes, existe risco de desapropriação nesse local/quarteirão?
    Tentei o site da Sptrans, porém não existem informações sobre o assunto.
    Muito obrigado.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: