Belarmino faz balanço da compra de 310 ônibus

Publicado em: 31 de outubro de 2012

chassi

Chassi articulado 0 500 MA foi um dos modelos escolhidos pelo Grupo Belarmino para a mais recente renovação com ônibus da Mercedes Benz. Além de 40 articulados, foram comprados modelos urbanos convencionais, de micro-ônibus e rodoviários. Divulgação Mercedes Benz.

Belarmino faz balanço da aquisição de 310 ônibus da Mercedes Benz
O empresário português disse que 90% de sua frota representam veículos da marca. A média de renovação do grupo é de 500 a 600 ônibus ao ano
ADAMO BAZANI – CBN
O empresário Belarmino de Ascenção Marta, dono do segundo maior grupo de transportes por ônibus do Estado de São Paulo e o quarto maior do País, fez um balanço da compra mais recente que fez de 310 ônibus Mercedes Benz para empresas do Interior Paulista.
Segundo ele, em nota divulgada à imprensa pela Mercedes Benz do Brasil, 90% de sua frota são formados de veículos da marca. A escolha dos modelos nesta fase do mercado, que compreende uma nova legislação de redução de emissão de poluentes com base nos padrões internacionais Euro V se deu também pelo menor consumo e ganhos operacionais dos veículos.
Belarmino explicou ainda que a média de renovação de frota das empresas do grupo é de 500 a 600 veículos apor ano.
“A compra desse significativo volume de chassis Mercedes-Benz faz parte da nossa estratégia de renovação e ampliação de frota. Nos últimos quatro anos, temos adquirido, em média, de 500 a 600 ônibus por ano, o que nos permite oferecer um serviço com qualidade e conforto cada vez maior para os usuários das nossas linhas regulares, como também de fretamento e turismo”, afirma Belarmino Marta, presidente e fundador do Grupo.
“Desta vez, estamos incorporando à nossa frota mais um grande lote de ônibus Mercedes-Benz com tecnologia BlueTec 5, que, além de atender à nova legislação Euro 5 de redução de emissões, se mostrou mais vantajosa ao proporcionar menor consumo e melhores resultados operacionais”, diz o empresário. “Ter carros novos na nossa operação significa também menor custo de manutenção e, nesse ponto, os atuais Mercedes-Benz se destacam ainda mais, em função do aumento dos intervalos de troca de óleo e dos prazos de manutenção preventiva”.
Belarmino também possui concessionários e é revendedor da Mercedes Benz
A frota de 310 ônibus renovados vai ser dividida para as companhias do grupo:
——— Rápido Luxo Campinas e Nossa Senhora de Fátima Auto Ônibus (urbano, intermunicipal, fretamento e turismo para Campinas e Bragança Paulista, no Interior de São Paulo):
210 chassis OF 1721 / 10 chassis de micro-ônibus LO 916 / 40 chassis rodoviários O 500 RS / 10 chassis Rodoviários 0 500 RSD.
———— Viação Ouro Verde (urbanos e intermunicipais em Campinas e Sumaré):
40 chassis 0 500 MA, urbanos articulados, que receberam carroceria Comil Doppio BRT, que traz novos conceitos para ônibus com articulação e pode ser usado em sistemas segregados em corredores exclusivos.
Ainda de acordo com a nota da Mercedes Benz, Belarmino declara que desde o início de sua carreira como empresário de ônibus, trabalha com veículos da marca.
“Eu comecei com um LP 312, em 1961. Essa já é uma marca consagrada no transporte de passageiros no Brasil. Crescemos juntos e sempre contribuímos com o desenvolvimento do setor” – disse o empresário.
A Mercedes Benz responde pelo emplacamento de 10 mil ônibus entre janeiro e setembro de 2012 sendo líder no setor, em especial do segmento acima de 8 toneladas.
De acordo com o diretor de vendas e marketing de ônibus da Mercedes Benz, Gilson Mansur, os veículos urbanos têm impulsionado os resultados da marca.
“Além de grandes mercados, como São Paulo e Rio de Janeiro, diversas cidades de outras regiões estão seguindo essa tendência, como é o caso desta venda para empresas do interior paulista pertencentes ao Grupo Belarmino”, diz Gilson. “As empresas visam atender às exigências de novas licitações do transporte coletivo e também oferecer melhor prestação de serviços aos usuários”.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

Comentários

  1. WILLIAMES disse:

    PORQUE O EMPREZARIO SR. BELARMINO NAO DIVULGOU A PARALIZACAO DA OSASTUR EM OSASCO, ONDE O MESMO DEIXOU POR LA UM CARRASCO, QUE SO PENSAVA EM TIRAR PROVEITO DOS SEUS MOTORISTAS,FRETAMENTO, 18 HORAS SERVICOS E GANHAVA SO 10 HORAS SENDO 2,40, POR FORA NAO ENTRAVA NO HOLERIT, EU SEI TRABALHEI QUAZE UM ANO, SO TIVE REGISTRO DE QUASE 7 MESES, UM DIA PERCEBI QUE ERA UMA PESSOA COMPETENTE, PEDI A CONTA ME PAGARAM SOMENTE O REGISTRO, E DIAS TRABALHADO, TRANSFERI O FGTS, FUI PARA UMA EMPREZA QUE TEM SEUS EMPREGADOS COMO COLABORADORES, NAO COMO ESCRAVOS, E ASSIM ELE PODE SER O 2- MAIOR GRUPO DE TRANSPORTE COLETIVO DE SAO PAULO, O DIA QUE QUEBRAR VAI SER UM GRANDEARROMBO, SO NA JUSTCAS, SE VCS PROCURAREM, E A QUE MAIS PROCESSO TEM CONTRA ELAS, NEM SE ME PAGAREM 10 VEZES MAIS O MEU SALARIO NAO TRABALHO UM DIA, SO ENTRAN EM LUGARES DE EMPREZAS COM POBLEMAS, PARA MEU VER E UM GRUPO QUE SEMPRE O MESMO ENDERECO, SAMBAIBA TABOAO DA SERRA OU EM CAMPINAS, POR ISSO TRABALHO NA MAIOR, QUANDO BATEM EM NOSSA PORTA UM EX FUNCIONARIO DO GRUPO ELES SAO BEM RECEBIDOS, E MOSTRAMOS AOS MESMO A DIFERENCIA DAONDE ESTAVAN E A ONDE VAM ESTAR, AQUI RECEBEM ATE OS 5 MINUTOS SE PASSAREM RECEB PROGRAMACAO

  2. clayton pg disse:

    é isso ai! Mercedes Benz é de confiança total, parabéns ao sr Belarmino pelas grandes compras!

  3. Carlos Silva disse:

    E as empresas VB1 e VB3 aqui de Campinas que estão com boa parte da frota envelhecida?..Por que ficaram de fora?

  4. Antonio Scabim disse:

    A Sambaíba, aqui de São Paulo, está incluída nessa compra?

  5. alan dias disse:

    Boa tarde galera,concordo com Carlos Silva e a VB! eVB3 nada porque na VB1 onde eu trabalho os carrros d a117 estao um bagaços os B10m não guenta mais estão pedindo socorro queremos BRT também mais igual da ITAJAI aquilo sim sao maquinas valeu………………

  6. Carlos Silva disse:

    Tudo bem que venham os carros, mas eles só sabem comprar OF…..?
    Tem linhas que são para padron e eles colocam esse carros pequenos e fracos. Quando será que nossos empresários irão se modernizar e sair das década de 70 e 80 e começarem a olhar melhor para nós usuários e principalmente para os seus colaboradores, dando boas condições de traballho e com isso reduzindo o custo social que consequentemente reduz o custo financeiro. Nós passageiros pagamos por isso e merecemos algo de qualidade e moderno. Eles estão perdendo a chance de lucrarem mais adquirindo mais usuários devido ao transito caotico das cidades, mas suas cabeças limitadas não conseguem enxergar isso. È claro que tem de haver contrapartida dos poderes publicos como um viário adequado, linhas com itinerários racionais entre outras coisas.

  7. trabalhei para este portugues safado não sei como o poder publico deixa este safado funcionando no brasil sendo que o mesmo e o maior sonegador de impostos no pais eu ainda vou ver ele se afundar na falencia e so vcs ver na justiça federal a sonegação previdenciarias do belarmino por isto que ele compra onibus novos com o dinheiro do trabalhador.

  8. marcos disse:

    brt vb1 em seu belarmino

  9. boa tarde
    isso e´uma safadeza enquanto aqui na cidade de varzea paulista em campo limpo paulista itupeva cabreuva so de sucata vc deveria toma vergonha na cara e tira essa diretoria que esta nessa empresa de campo limpo paulista por isso que o senhor esta perdendo as suas linhas de empresas daqui da regiao por essas pessoas que esta tomando conta tira eles pra ver se sua empresa nao melhora

Deixe uma resposta