Ônibus da EMTU, Rodoviários e Pedágios mais caros

onibus

Ônibus de linhas interestaduais e internacionais, com trajetos acima de 75 quilômetros, estão com as passagens 2,77% desde este domingo. O valor das passagens de ônibus metropolitanos urbanos ou seletivos, que atendem as regiões metropolitanas de Campinas e de São Paulo, gerenciados pela EMTU, também sofrem reajuste por causa do aumento dos valores de pedágios entre R$ 0,05 e R$ 0,10. O custo para passar pelas estradas de São Paulo fica entre 4,26% e 4,98%, de acordo com os índices de reajuste. Foto: Adamo Bazani

Ônibus rodoviários em todo o País e algumas linhas da EMTU com aumento de passagens
Reajuste é para rodoviários interestaduais e internacionais gerenciados pela ANTT. Ônibus da EMTU que servem as regiões metropolitanas de São Paulo e de Campinas e passam por pedágios também terão tarifas reajustadas
ADAMO BAZANI – CBN

Quem precisa usar transportes por ônibus rodoviários interestaduais e internacionais, ônibus metropolitanos da EMTU e trafegar por estradas com pedágio paga mais caro a partir desde domingo, dia 1º de julho de 2012.
A ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres, autorizou aumento de 2,77% nos serviços de ônibus rodoviários com trajeto superior a 75 quilômetros de extensão.
O aumento não vale apenas para os serviços rodoviários interestaduais e internacionais que cujas características são de semi-urbano, abaixo de 75 quilômetros de itinerários.
Esse reajuste foi calculado levando em consideração índices oficiais, como os da FGV – Fundação Getúlio Vargas, IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e ANP – Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis.
Entre os itens que mais pressionaram para o aumento dos custos estão combustíveis, peças de manutenção, óleos lubrificantes, pneus renovação e depreciação de frota, além da mão de obra.
Para chegar aos valores de passagens, a ANTT usa diversos cálculos que incluem o CT – Coeficiente Tarifário.
O Coeficiente é multiplicado pelos quilômetros percorridos pelo ônibus.
Há vários coeficientes que variam de acordo com o tipo de veículo, de serviço e de pavimento.
Segue abaixo a tabela. As unidades expressas estão em reais e representam os custos por passageiro a cada quilômetro.

I – Transporte Interestadual –
Serviço Convencional
Serviço
Pavimento
CT atual
Convencional com Sanitário
Tipo I
0,126232
Convencional com Sanitário
Tipo II
0,170162
Convencional sem Sanitário
Tipo I
0,119037
Convencional sem Sanitário
Tipo II
0,159849
Convecional
Tipo III
0,179604

II – Transporte Interestadual – Serviços Diferenciados- Serviço
CT atual
Executivo
0,181384
Leito sem ar-condicionado
0,260342
Leito com ar-condicionado
0,291787
Semi-leito
0,200168
III – Transporte Internacional – Serviço Convencional
Serviço -Pavimento
CT atual
Ordinário
Tipo I
0,126232
Ordinário
Tipo II
0,170162
IV – Transporte Internacional – Serviços Diferenciados
CT atual
Executivo
0,181384
Leito sem ar-condicionado
0,260342
Leito com ar-condicionado
0,291787

Os pesos dos itens de custo são os seguintes, de acordo com a ANTT

COMPONENTES
ÍNDICES
PESOS

Combustível
ANP/BRASIL – DIESEL
0,231200
Lubrificantes
IPC/BR-DI Óleo Lubrificante
0,002600
Rodagem
IPA-OG-DI Pneus para ônibus e caminhões
0,031730
Pessoal
INPC
0,369520
Peças e Acessórios
IPA-EP-DI Componentes para veículos
0,038130
Veículos e Ativos
IPA-OG-DI Chassis com motor para ônibus
0,169915
IPA-OG-DI Carrocerias para ônibus
0119795

Despesas Gerais
IPCA 0,037110

PEDÁGIOS:

O domingo também é data de aumento de pedágios nas rodovias paulistas.
De acordo com a Artesp – Agência Reguladora de Transporte do Estado de São Paulo, as 142 praças de pedágio têm reajustes entre 4,26%, se o contrato for calculado pelo IGP –M, e 4,98%, com contratos corrigidos pelo IPCA.
As viagens mais caras são as que ligam o Litoral Paulista à região do ABC e à Capital. O pedágio mais alto do sistema Anchieta – Imigrantes vai para R$ 21,20.

A LISTA COM OS VALORES DE TODOS OS PEDÁGIOS PODE SER CONFERIDA NESTE LINK – Recorte e Cole no seu navegador :

http://www.artesp.sp.gov.br/download/artesp_tarifas_pedagios_julho_2012.pdf

Pedágios sobem e tarifas de ônibus metropolitanos
serão reajustadas

Devido ao reajuste da taxa de pedágio nas praças instaladas nas rodovias do Estado de São Paulo, que ocorrerá a partir deste domingo (1º. de julho), a EMTU/SP reajustará as tarifas das linhas de ônibus que passam por pedágios nas Regiões Metropolitanas de São Paulo e de Campinas.

O reajuste foi autorizado em reunião do Conselho Diretor de 28/06/2012 da ARTESP – Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo, publicada no Diário Oficial do Estado na data de hoje, 29/06.

O cálculo para a nova tarifa das linhas de ônibus intermunicipais gerenciadas pela EMTU/SP é obtido por meio da divisão entre o novo valor do pedágio e a média de passageiros transportados por viagem.

Confira as linhas reajustadas:

Na Região Metropolitana de São Paulo

• Consórcio Anhanguera (15 Linhas)

As seguintes linhas terão acréscimo na tarifa de R$ 0,10:
054, 055, 116, 120, 120PR1, 188, 261, 310, 352, 378, 378PR1, 386, 467, 565 e 583

• Consórcio Unileste (5 Linhas)

As seguintes linhas terão acréscimo na tarifa de R$ 0,05:
201, 206, 214, 214VP1 e 379

Região Metropolitana de Campinas

• Metrópolis: (7 Linhas)

As seguintes linhas terão acréscimo na tarifa de R$ 0,05:
612, 612EX1, 616 ,618 , 714 , 715 e 734

• Salamanca: (1 Linha)

A linha 693 terá acréscimo de R$ 0,05

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: