URBS confirma aumento de passagem de ônibus em Curitiba

ônibus de Curitiba

Ônibus em Curitiba. A Urbs, autarquia responsável pelos transportes de Curitiba e região metropolitana confirma aumento da passagem em março. A confirmação foi feita menos de duas semanas depois de uma greve de motoristas e cobradores que parou a região por dois dias. Os profissionais receberam aumento de 10,5%. A Prefeitura de Curitiba descarta que a passagem chegue a R$ 2,80. Governo do Estado estuda reduzir tributação do ICMS sobre o diesel dos ônibus para minimizar os custos do sistema. Foto: Adamo Bazani

Urbs confirma aumento da passagem de ônibus em Curitiba no mês de março
Tarifa técnica, usada para o cálculo do valor que será cobrado do usuário, deve ser divulgada nesta terça-feira

ADAMO BAZANI – CBN
A Urbs – Urbanização de Curitiba S.A., autarquia responsável pelo gerenciamento dos transportes coletivos em Curitiba e região Metropolitana confirmou que em março, as passagens de ônibus serão reajustadas.
O anúncio ocorre menos de duas semanas depois da greve dos motoristas e cobradores da cidade e dos municípios vizinhos. A categoria conseguiu com a paralisação, que durou dois dias, reajuste de 10,5%.
Não foi definido ainda o novo valor da tarifa. Nesta terça-feira, dia 28 de fevereiro de 2012, a Urbs deve estipular a tarifa técnica, que é a usada para calcular custos e reposição aos empresários e serve apenas como base para a tarifa realmente cobrada dos passageiros.
Por exemplo, a tarifa atual é de R$ 2,50 para os passageiros. Mas a tarifa técnica, que é realmente repassada, é de R$ 2,56. A diferença de R$ 0,06 segundo a Urbs é subsidiada pelo poder público.
A autarquia descartou que o valor para o passageiro chegue a R$ 2,80 como foi cogitado na semana passada, mas disse que é praticamente impossível permanecer nos R$ 2,50 por conta do aumento dos custos.
Com os subsídios de R$ 0,06, o poder público de Curitiba desembolsa mensalmente R$ 1,7 milhão. O custo total de operação, ainda de acordo com a Urbs, é de R$ 66,3 milhões e as receitas são de R$ 64,6 milhões mensais.

SUBSÍDIOS:

Para tentar minimizar os impactos do aumento das tarifas de ônibus no bolso do usuário, o Governo do Estado do Paraná estuda a possibilidade de aumentar os subsídios para os transportes públicos.
Uma das alternativas seria reduzir o ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços que incide sobre o diesel usado como combustível dos ônibus ou mesmo transferir parte da receita do imposto para o setor de transporte coletivo.

INTEGRAÇÃO:

A RIT – Rede Integrada de Transporte atende a diversos municípios que formam a região Metropolitana de Curitiba e a capital Paranaense.
É um dos maiores sistemas de integração do País. Com o valor de uma tarifa, o passageiro pode pegar vários ônibus quantas vezes quiser por tempo indeterminado. Não há limitação de número de transbordos e nem do tempo, como ocorre com o Bilhete Único de São Paulo e o Bilhete Único Carioca.
As transferências gratuitas podem ser feitas nas estações-tubo (que permitem o pré-embarque, pagamento antes da entrada no ônibus, e acessibilidade por terem o piso no mesmo nível do assoalho dos ônibus) ou nos terminais da RIT.
Por dia são transportados cerca de 2,5 milhões de passageiros em aproximadamente dois mil ônibus na Capital e nos municípios da região metropolitana atendidos pela RIT, entre eles São José dos Pinhais, Piraquara, Pinhais, Colombo, Almirante Tamandaré, Campo Largo, Araucária e Fazenda Rio Grande.
As empresas operadoras são:
Auto Viação Marechal Ltda
Transporte Coletivo Glória Ltda
Auto Viação Nossa Senhora da Luz
Empresa Cristo Rei Ltda
Auto Viação Nossa Senhora do Carmo Ltda
Viação Cidade Sorriso Ltda
Auto Viação Redentor Ltda
Auto Viação Curitiba Ltda
Auto Viação Mercês
Viação Tamandaré
Expresso Azul Ltda
Auto Viação Santo Antônio
Araucária Transporte Coletivo Ltda
Empresa de Ônibus Campo Largo Ltda
Leblon Transporte de Passageiros Ltda
Viação Nobel
Auto Viação São José dos Pinhais
Empresa de Ônibus São Brás Ltda
Viação Colombo Ltda
Empresa Antonina
Viação Graciosa Ltda
Viação Marambi Ltda
Viação Piraquara Ltda
Reunidas S/A Transportes Coletivos
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

3 comentários em URBS confirma aumento de passagem de ônibus em Curitiba

  1. ABSURDOOOOOOO!!!! Eu sabia que iria sobrar para o “bolso” da População…..afffff….cada vez com mais nojo!

  2. SOU MOTORISTA E TENHO ALGO A DIZER AOS COLEGAS A GREVE FOI TUDO ARMAÇAO DO SINDMOC COM OS PATROES AGORA ELES AUMENTAM A PASSAGEM E DIZEM QUE FOI POR CAUSA DO NOSSO AUMENTO PAREM E PENSEN FAZER GREVE DE DOIS DIAS PRA CONSEGUIR 10,5% E UMA VERGONHA E COMO SEMPRE QUEM PAGA E A POPULAÇAO DEPOIS QUEBRAM ONIBUS PIXAM E FAZEM A NARQUIA VAO DIZER QUE SAO VANDALOS SENDO QUE VANDALOS SAO ELES,LADROES SAO ELES A DIFERENÇA QUE ISSO E UM ASSALTO SEM MAO ARMADA E COM CONSENTIMENTO DO PODER PUBLICO
    TENHO FONTES FORTISSIMAS PRA CONFIRMAR O QUE EU DISSE ACREDITEM NO SINDIMOC SO TEM LADRAO POIS O PRESIDENTE ESTAVA ATE PASSANDO POR DIFICULDADE ANTES DE ENTRAR NO SINDICATO AGORA EM MENOS DE UM ANO JA TEM CARRO BLINDADO CHACARA ENTRE OUTROS BENS EM NOME DE LARANJAS QUEM ME DISSE ISSO FOI UM FUNCIONARIO QUE AJUDOU A FAZER UMA VAQUINHA PRA FAZER COMPRA PARA O ANDERSON QUANDO ELE ESTAVA PASSANDO DIFICULDADE SAO TODOS UMA CORJA DE LADROES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. esta greve foi politica a urbs so quer jogar a população contra motoristas e cobradores , enquanto estiver a urbs no paraná a gente sera roubado

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: