Volare 4 x 4 apresentado na Festa da Uva

ônibus escoolar

Ônibus escolar 4 X 4 da Volare foi desenvolvido em parceria coma a Agrale. Robustez do veículo chama a atenção em áreas de difícil acesso. A Marcopolo – Volare já vendeu desde janeiro deste ano 350 unidades do veículo. Foto: Gelson Costa

Volare apresenta ônibus escolar fora de estrada
Veículo chamou a atenção pela robustez e é indicado para áreas de difícil acesso

Primeiro miniônibus do Brasil com tração 4X4 e recém-lançado no mercado, o Volare Escolarbus 4X4 faz sua estreia na Festa da Uva 2012. O modelo começou a ser entregue em janeiro a municípios de todo o Brasil para o transporte de estudantes na zona rural, sobretudo em locais de difícil acesso onde os veículos convencionais não conseguem trafegar.

Somente no Rio Grande do Sul são 17 cidades que vão utilizar o miniônibus para o transporte de estudantes com o começo do ano letivo – Agudo, Arroio do Tigre, Caiçara, Candelária, Caraá, Crissiumal, Cristal, Fontoura Xavier, Iraí, Novo Cabrais, Paraíso do Sul, Passa Sete, Pinhal Grande, Pinheirinho do Vale, Santa Vitória do Palmar, São Lourenço do Sul e Tenente Portela.

Segundo Milton Susin, diretor executivo da Volare, foram produzidas 350 unidades, todas já comercializadas, o que demonstra o sucesso do inédito modelo. “Não existia no mercado um miniônibus com tração nas quatro rodas que permitisse trafegar em locais até mesmo sem vias de acesso. E, em muitos municípios do Brasil, e até no Rio Grande do Sul, os jovens em idade escolar tinham dificuldade de frequentar a escola. O desenvolvimento do Volare Escolarbus 4X4 possibilitou ampliar a abrangência e a atuação do Programa Caminho da Escola”, explica o executivo.

O Volare Escolarbus 4X4 conta com um conjunto powertrain totalmente diferente dos modelos convencionais, que possuem tração apenas nas rodas traseiras. O modelo recebeu novo eixo dianteiro tracionado e sistema de transmissão com a opção de utilização 4X2 (somente tração nas rodas traseiras), 4X4 (tração nas rodas dianteiras e traseiras) e 4X4 com reduzida.

O desenvolvimento, em tempo recorde, do novo Escolarbus 4X4 contou com a parceria da Agrale. O sistema de tração é muito robusto e permite trafegar por locais de difícil acesso ou sem pavimentação, com segurança e tranquilidade. “O Escolarbus 4X4 demonstra, mais uma vez, a capacidade e versatilidade da Volare no desenvolvimento e concepção de projetos inovadores. Precisamos de pouco tempo, entre a publicação da licitação, no meio do ano, e a produção das primeiras unidades”, salienta Susin.
Assessoria de Imprensa Marcopolo

8 comentários em Volare 4 x 4 apresentado na Festa da Uva

  1. Boa noite.

    E depois, os nossos ônibus não prestam.

    Abçs.

  2. pois é Gustavo.a turma fala muita Besteira!mas”bem informada”pela Tv tipo Globo,o nível dos comentários é disso aí pra PIOR!

    • Bom dia.

      Opiniões expressadas com educação precisam ser respeitadas, ainda que não concordemos.

      Penso muito bem, no que falo e escrevo, porque depois, o rancor adverso, é inevitável e você já teve mostras disso, Leonardo.

      Sugiro a todos, comprar um simples guarda – chuva, made in China e verificar, quantas horas o mesmo durará, sem quebrar.

      Sou usuário de transporte coletivo, tanto por ônibus, quanto por trens e metrô e reconheço, não está bom, pode e deve melhorar muito e, na onda da “MELHORIA”, sugiro colocarmos um piso baixo, de preferência articulado, com motor traseiro e automático, em algum bairro de ruas BEM ÍNGREMES E CHEIAS DE BASTANTE E PROFUNDAS VALETAS, na Capital paulista e ver o que acontece !!!

      Abçs.

      • eu não sou rancoroso.só não sou alienado!já fui dessa turma do”bloco das ilusões”.o problema,é q falo umas verdades q incomodam e muito!

  3. Os nosso onibus urbanos não tem o minimo de conforto, os com motores dianteiros então são verdadeiras caçambas, voce entra e reza para poder descer, os bancos são projetados para pessoas com 1 metro e meio, quem tiver mais que isso senta de cocoras, de tão baixo e estreitos, simplesmente não tem lugar para as pernas, a porta dianteira fica do lado do motor, quer dizer voce tem quando muito 30 centimentos entre a porta e o corredor, o que faz descer pela frente uma missão impossivel, ou então voce tem que passar por cima do motor ou das pessoas, fora que são carissimos, os Chineses são iguais porem 3 vezes mais baratos.

  4. Pedro, os ônibus de motores dianteiros realmente não são os mais confortáveis e tem empresário sim que abusa no seu uso, mas também há locais que não comportam mesmo piso baixo, motor traseiro ou central.

    E não só locais distantes dos grandes centros urbanizadas. Há bairros na Capital Paulista, Santo André, Mauá, etc que são verdadeiros desafios para os ônibus. E não tem jeito de colocar veículos de outras configurações.
    As cidades cresceram desordenadas e nem sempre com vias planejadas
    Abraços

  5. Fiquei com vontade de ver o interior desta bela proposta de ônibus.
    Tenho um fraco assumido por foras-estrada sobre 2 ou mais rodas e sei que o interior precisa ser diferente para ter segurança.

    Um grande lançamento no lugar certo, torço muito para que seja um sucesso.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: