Linha 7-Rubi tem problemas e CPTM tenta esconder dos passageiros não informando nos canais oficiais

Defeito é em Francisco Morato

ADAMO BAZANI

Pode ser estatal ou privada: o modus operandi é o mesmo das empresas de trens que transportam milhões de pessoas todos os dias em São Paulo: tentar esconder do passageiro problemas.

Foi o que a pública CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) tentou fazer nesta quarta-feira, 27 de julho de 2022. Mas em época de rede social, ações arcaicas como esta não funcionam mais.

A linha 7-Rubi da CPTM desde 4h35 tem problemas na região de Francisco Morato, onde há inclusive circulação por via única.

Mas quem confia ainda no aplicativo oficial da estatal lê que está tudo normal. Mas não é verdade.

Em nota, a empresa pediu desculpas aos passageiros, mas continuou não informando quem confiava em seus canais oficiais.

Nesta quarta-feira (27/07), às 04h35, um problema no sistema de energia da rede aérea (sistema de alimentação de energia dos trens) na região de Francisco Morato, na Linha 7-Rubi, faz com que a circulação de trens seja realizada em via única na estação Francisco Morato.

Os técnicos estão atuando para normalizar a operação e a CPTM pede desculpas pelos transtornos causados aos passageiros.,

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Vanessa disse:

    Ainda estão escondendo essa informação dos usuários, não consigo pegar um trem com destino final para Jundiaí, faz mais de 40 mim que estou na estação Brás esperando e todos tem como destino morato, um absurdo 🙄

  2. Alexandre disse:

    Nois q trabalhar em Jundiaí somos os prejudicado sempre eles tira os trem q vão pra lá pra volta pra São Paulo aí fala q o problema entre Francisco morato a Jundiaí, o lado q estava parado era q estava indo pra São Paulo

Deixe uma resposta