Tecnopolo, da Engenharia da Marcopolo, desenvolve projeto para a Agrale

Trabalhos envolveram testes experimentais e ensaios para uma aplicação escolar fora-de-estrada da linha de veículos Marruá

ALEXANDRE PELEGI

A Tecnopolo Engineering Services, que participou no desenvolvimento da Geração 8 de ônibus rodoviários da Marcopolo Geração 8, concluiu o desenvolvimento de um projeto para a linha de veículos Marruá, da Agrale S.A.

A Tecnopolo é do departamento de engenharia de simulação e testes pertencente à Marcopolo S.A.

De acordo com comunicado da empresa, os trabalhos realizados para a Agrale, fabricante também situada em Caixas (RS), envolveram testes experimentais e ensaios para uma aplicação escolar fora-de-estrada do veículo Marruá.

Importante, de acordo como engenheiro líder do setor Testes e Confiabilidade da Tecnopolo, Marcos Toss Molon, é que a Agrale é o primeiro cliente externo conquistado.

“Isso demonstra a nossa capacidade em oferecer serviços de simulação e testes experimentais para empresas interessadas e que não dispõe internamente de equipe e recursos técnicos, e infraestrutura para validação de produtos ou componentes”, enfatiza Molon.

De acordo com o engenheiro, o conhecimento de engenharia e a capacidade técnica da Tecnopolo podem otimizar sensivelmente os desenvolvimentos que diferentes companhias precisam fazer para validar e homologar seus produtos.

LINHA AGRALE MARRUÁ

A Tecnopolo realizou testes de inclinação lateral e estruturais (Tilt test) necessários para homologação do modelo AM200 MO, de acordo com exigências de órgãos como o Contran, Denatran, Cetesb e ABNT, envolvidos na legislação veicular, e obtenção do certificado de adequação à legislação de trânsito.

No teste de inclinação, o Marruá AM 200 MO foi submetido a uma inclinação lateral de 28° para verificar sua estabilidade. Nos testes estruturais, o módulo representativo recebeu uma carga de 5 mil quilos no teto que não poderia colapsar (se romper). Em ambos os casos, o Marruá atendeu às normas regulamentares. Além desses testes, a Tecnopolo pode realizar testes de estabilidade lateral, Rollover R66 e Sound Camera (diagnóstico visual de fonte de ruído em veículo)”, informa comunicado da Marcopolo.

Para o gerente de Engenharia da Agrale, Jorge Vergani, a parceira com a Tecnopolo permitiu o refinamento do projeto, com dados essenciais para atualização do veículo, além de garantir a qualidade dos produtos da marca com a aprovação nos testes realizados.

“O conhecimento e experiência de longa data da Tecnopolo na área de ônibus e micro-ônibus e sua experiência em validações de produtos, testes e engenharia experimental, além de possuir laboratórios com equipamentos certificados, foram decisivos. Outro fator importante foi a proximidade das empresas, reduzindo o custo logístico para os testes”, explicou o executivo.

TECNOPOLO

A Marcopolo explica que o objetivo da Tecnopolo é prestar serviços de simulação e testes, e para isso conta com laboratório de testes, simulações numéricas computacionais – CAE -FEA –CFD, e testes e análises experimentais.

Marcos Molon explica que o objetivo é atender as demandas de indústrias instaladas na região Sul. “São empresas que atuam nos segmentos agrícola, moveleiro, autopeças e de estruturas metálicas, que precisam realizar testes de resistência mecânica, fadiga/durabilidade, segurança, conforto, instrumentação, escoamento de fluídos líquidos e gases, otimização de materiais e aerodinâmica, entre outros”,

A Tecnopolo tem uma ampla gama de serviços, que vão desde o projeto conceitual até a validação final do produto, com ferramentas de engenharia assistida por computador (CAE na sigla em inglês).

Oferece ainda laudo e homologação junto aos órgãos certificadores. Os testes e simulações poderão ser realizados no espaço de provas, em Caxias do Sul (RS) ou localmente, junto ao cliente.

Seu primeiro projeto foi a atuação no desenvolvimento da Geração 8 Marcopolo, em que foi responsável por todos os rigorosos testes de confiabilidade e validação dos produtos que destacaram o alto nível de qualidade dos veículos.

A Tecnopolo realizou teste e análises de durabilidade de materiais, resistência mecânica, segurança veicular, instrumentação, conforto térmico e aerodinâmica, entre outros, que garantiram a eficiência e o sucesso de mercado da nova linha da companhia.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. marcos beneteli disse:

    Esse veículo são quantos lugares

Deixe uma resposta