Pedágio da Ponte Rio Niterói sobe para R$ 6,00 nesta quinta-feira, 14 de julho

Valor atual é de R$ 4,90; pesou no aumento a aplicação de R$ 0,35 decorrente de reequilíbrio de contrato

ALEXANDRE PELEGI

A Ponte Rio-Niterói, principal ligação entre as cidades do Rio de Janeiro, Niterói e o interior do Estado, terá aumento de pedágio a partir da zero hora desta quinta-feira, dia 14 de julho de 2022.

Conforme a Deliberação nº 216 da ANTT, publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira, 12 de julho de 2022, o reajuste é consequência de efeito econômico-financeiro a partir da data-base de reequilíbrio contratual de 1º de junho de 2022.

Com a decisão, a Tarifa de Pedágio passa dos atuais R$ 4,90 para R$ 6,00.

Outro fator que pesou no reajuste foi a aplicação do Fator C positivo de trinta e cinco centavos (R$ 0,35318) na Tarifa de Pedágio reajustada. O Fator C é aplicável de forma positiva, em favor da concessionária, para fins de reequilíbrio do Contrato, quando verificada a redução de receitas.

Desde 1° de junho de 2015 o trecho Acesso à Ponte Presidente Costa e Silva (Niterói) – Entr. RJ-071 (Linha Vermelha) é administrado pela Ecoponte, empresa do Grupo EcoRodovias.

A concessionária é responsável pela exploração e manutenção do sistema rodoviário de 13,2 km de extensão e 10 quilômetros de acessos, e pela prestação de serviço aos mais de 150 mil veículos que trafegam diariamente pela Ponte.


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. JOSE R BARROSO disse:

    Não sou contra o reajuste, mas pagar mais para reequilíbrio econômico, aí é brincadeira. Porque essas concessionárias não podem ter prejuízo? Todos os negócios têm riscos econômico e financeiro, é inerente ao empreendedor. Precisa acabar com esse negócio de “pai para filho”.

Deixe uma resposta