Greve de ônibus em São Paulo: Metrô, trens e ônibus da EMTU terão reforço caso coletivos municipais parem nesta quarta (29)

Ônibus metropolitanos podem fazer PAESE caso SPTrans solicite

ADAMO BAZANI

A Secretaria de Transportes Metropolitanos informou no início da noite desta terça-feira, 28 de junho de 2022, que, para atender aos cidadãos da cidade de São Paulo em caso de greve dos motoristas dos ônibus municipais, irá antecipar a oferta máxima de trens em circulação e ampliar o horário de pico.

Segundo a pasta, Metrô, CPTM, ViaQuatro e ViaMobilidade estarão com trens reservas em condições operacionais em todas as linhas para o atendimento à demanda.

Já a EMTU poderá prestar apoio à SPTrans pelo sistema PAESE caso seja solicitado.

RODÍZIO:

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT) e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), informou por meio de nota na tarde desta terça-feira, 28 de junho de 2022, que, caso a greve dos motoristas e cobradores de ônibus seja de fato realizada, o rodízio municipal de veículos estará suspenso nesta quarta-feira, 29.

Carros com placas finais 5 e 6 poderão circular pelo centro expandido a qualquer horário.

Como mostrou o Diário do Transporte, na tarde desta terça-feira (28), em assembleia promovida pelo Sindmotoristas, os trabalhadores decidiram retomar a greve que havia sido suspensa no dia 14 de junho de 2022.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2022/06/28/greve-de-onibus-em-sao-paulo-e-anunciada-para-esta-quarta-29/

As faixas exclusivas e corredores de ônibus ficarão liberados para circulação de carros de passeio enquanto durar a greve. A Engenharia de Tráfego da CET manterá o monitoramento constante em ruas e avenidas da cidade, visando manter as condições de fluidez das vias.

Segundo a prefeitura, continuarão valendo normalmente o rodízio de placas para veículos pesados (caminhões) e as demais restrições: Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição ao Fretamento (ZMRF). A Zona Azul também funcionará normalmente.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Mariana Tratoria Spectaculare disse:

    Todo apoio aos motoristas de ônibus.

  2. Eugênia Vieira Campos disse:

    Deveriam tem colocado integração liberada.

  3. Maria Edileusa Pereira de Souza Souza disse:

    Eu concordo aos motoristas e cobradores dos ônibus sim o ruim que afeta a nós trabalhadores eu mesmo não consegui ir ao meu trabalho uma pena tomará que os responsáveis resolvam essa situação deles para amanhã esteja tudo normal e resolvido.

Deixe uma resposta