VÍDEO: Vandalismo provoca princípio de incêndio em trem da linha 11 e na linha 9 problema de sinalização deixa operações lentas neste sábado (18)

Nos aplicativos oficias da CPTM e da ViaMobilidade tudo aparecia como normal

ADAMO BAZANI

Passageiros do sistema de trilhos metropolitanos de São Paulo relatam na manhã deste sábado, 18 de junho de 2022, uma série de problemas.

Na estação Tatuapé, da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), o usuário Rodrigo Cesar registrou fogo sobre o carro (vagão) P140 que estava parado em uma das plataformas da linha 11 Coral.  Segundo a CPTM, em nota, o problema foi gerado por um ato de vandalismo.

Devido a um ato de vandalismo, por volta das 8h25 deste sábado (18/06) um trem da Linha 11-Coral da CPTM que circulava com destino à Estação Estudantes precisou ser evacuado na Estação Tatuapé. Um objeto jogado na rede aérea danificou o pantógrafo (aparelho que recebe a energia da rede aérea para poder circular), o atrito gerou fumaça e fogo, e os funcionários com apoio de bombeiros civis que estavam embarcados atuaram de forma preventiva e rápida com extintor de incêndio. Não houve feridos.

As chamas se concentravam na região dos equipamentos de energia elétrica.

No momento da filmagem, o trem já estava com as luzes internas desligadas, mas ainda fechava as portas.

Já na linha 9-Esmeralda, administrada pela ViaMobilidade, a reclamação dos passageiros foi em relação à lentidão e maior tempo de parada por uma falha.  Segundo a concessionária, ocorreu uma falha de sinalização na região de Pinheiros entre 8h30 e 8h45

Relatos em redes sociais davam conta que algumas composições ficaram mais de dez minutos paradas com os passageiros dentro.

Nos canais oficiais, tanto a concessionária como a estatal apontavam que tudo estava normal nas linhas que operam.

RESPOSTAS:

O Diário do Transporte procurou a CPTM pata saber detalhes sobre a postagem do fogo feita na manhã, como, o que ocorreu, quando e as consequências, e a ViaMobilidade sobre a lentidão. As solicitações de esclarecimentos foram por volta de 9h.

VIAMOBILIDADE:

Por volta de 09h40, a concessionária respondeu que houve falha em sinalização.

Devido à falha de sinalização na região de Pinheiros, os trens da Linha 9 Esmeralda circularam com maior tempo de parada nas plataformas entre 8h30 e 8h45. Como estratégia operacional, um trem foi esvaziado na Estação Cidade Jardim e retornou sentido Grajaú para atender o trecho. Técnicos atuaram e a linha opera normalmente.

CPTM:

Por volta de 9h50, a CPTM diz que houve um ato de vandalismo na linha 11 Coral, com objeto jogado na rede aérea

Devido a um ato de vandalismo, por volta das 8h25 deste sábado (18/06) um trem da Linha 11-Coral da CPTM que circulava com destino à Estação Estudantes precisou ser evacuado na Estação Tatuapé. Um objeto jogado na rede aérea danificou o pantógrafo (aparelho que recebe a energia da rede aérea para poder circular), o atrito gerou fumaça e fogo, e os funcionários com apoio de bombeiros civis que estavam embarcados atuaram de forma preventiva e rápida com extintor de incêndio. Não houve feridos.

 

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Juliano disse:

    Uma vez peguei um trem que acabará de sair da luz, e era possível ver vários clarões e o trem balançando muito no último vagão. Tanto que no Brás o trem já parou e pudemos notar que esta mesma estrutura que disseram ser “vandalizada” estava toda retorcida e com forte cheiro de queimado. Portanto esse problema tem sido recorrente e não motivado por atos externos.

Deixe uma resposta