Transporte coletivo de Porto Alegre tem mais sete linhas sem cobradores

Mudanças começam nesta segunda (09), e que já representam redução de 10% do quadro de cobradores na capital gaúcha

ALEXANDRE PELEGI

A partir desta segunda-feira, 9 de maio de 2022, Porto Alegre passa ter 10% menos cobradores nos ônibus da capital.

Conforme publicação no Diário Oficial do município de sexta-feira (6), assinada pelo diretor presidente da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação)  a prefeitura publicou as sete linhas que passam a circular sem exigência de cobradores: M-10, M-68, M-79, M-21, M-31, M-52, M-98.

De acordo com a municipalidade, o critério de escolha é sempre o das linhas que transportam menos passageiros por viagem.

Com a redução chegando a 10,11% do quadro de cobradores, a prefeitura se aproxima da meta de alcançar percentual de 25% até o fim deste ano.

Essas sete linhas circulam na madrugada e foram reativadas em continuidade às ações do Programa de Reestruturação do Transporte, o Mais Transporte, da Prefeitura de Porto Alegre, executado por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Smmu) e da EPTC.

A EPTC informa ainda que durante a semana o sistema também recebe o reforço de mais de 100 viagens.

Em relação ao número de linhas, das 249 que circulam na Capital, 20% já não têm obrigatoriedade de cobradores na tripulação.

“Nossa equipe trabalha para que esse processo ocorra de forma tranquila para o passageiro, garantindo a qualidade do atendimento”, destaca o secretário de Mobilidade Urbana, Adão de Castro Júnior.


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Roberio disse:

    Gente nunca vai haver tranquilidade pro passageiro, isso aí é jogada deles pra economizar e mais dinheiro no bolso deles isso sim.ai vem com essa história pra boi dormir

Deixe uma resposta