Eletromobilidade

Ao menos um ônibus do Tarifa Zero de Volta Redonda deve voltar nesta quarta (20)

Segundo prefeitura, não pagamento à fabricante pela gestão anterior prejudicou manutenção de coletivos elétricos

ADAMO BAZANI

A partir desta quarta-feira, 20 de abril de 2022, ao menos um ônibus deve ser colocado para operar no Programa Tarifa Zero, de Volta Redonda RJ)

A informação é da prefeitura, no fim da tarde desta terça-feira (19).

Segundo a administração na parte da manhã, os coletivos elétricos que prestam as linhas do programa não operaram por problemas técnicos.

Por meio de uma nova nota, a prefeitura informou que um contrato de manutenção com a empresa fabricante dos ônibus elétricos em operação no município está sendo finalizado.

Isso porque, ainda de acordo com o poder público, os veículos adquiridos na gestão anterior não foram pagos ao fabricante pelo governo anterior (cerca R$ 3 milhões)

O pagamento ocorreu apenas neste ano de 2022, o que, segundo a prefeitura, prejudicou a manutenção dos veículos, resultando nos problemas.

A gestão atual informou que sem a quitação do débito, a empresa se recusava a fechar o contrato.

Somente a partir do pagamento foi possível elaborar um contrato de manutenção.

Ainda de acordo com a gestão do prefeito Antonio Francisco Neto, na segunda-feira (25), ônibus extras vão ser colocados para as linhas do Tarifa Zero e, quando a manutenção dos elétricos for concluída, estes veículos voltarão a operar.

Na nota, a prefeitura diz que não haverá descontinuidade do programa de transporte gratuito.

Veja na íntegra:

A Prefeitura de Volta Redonda informa que um contrato de manutenção com a empresa fabricante dos ônibus elétricos em operação no município está sendo finalizado.

A Prefeitura informa que não mediu e não vai medir esforços para dar continuidade ao Projeto Tarifa Zero ao longo da atual Administração. Ocorre que os veículos adquiridos na gestão anterior não foram pagos ao fabricante pelo Governo Anterior (cerca de três milhões de reais).

Este pagamento só foi possível neste ano, prejudicando assim a manutenção dos veículos, pois sem a quitação do débito a empresa especializada se recusava a fechar o contrato.

Somente a partir do pagamento foi possível elaborar um contrato de manutenção.

Assim, o projeto poderá funcionar de maneira regular, sem prejudicar a população.

Neste sentido, a Prefeitura de Volta Redonda tenta colocar ao menos um veículo funcionando até a manhã desta quarta-feira, dia 20, e para segunda-feira, dia 25, serão colocados ônibus extras para fazer as linhas do projeto Tarifa Zero até que a manutenção seja concluída e os veículos elétricos retornem às ruas.

Reafirmamos: Não há risco do projeto ser encerrado.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Rafaela disse:

    Final de semana o tarifa zero que sai do Eldorado funciona? Qual o horário que ele funciona final de semana?

Deixe uma resposta