Diário no Sul

Prefeitura de Caxias do Sul e Visate lançam projeto Ônibus Sem Catraca

Foto: prefeitura de Caxias do Sul

Iniciado nesta semana, projeto-piloto passará por testes nos primeiros 30 dias

ALEXANDRE PELEGI

A Visate, concessionária do transporte coletivo de Caxias do Sul (RS), iniciou nesta semana em conjunto com a Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) o projeto Ônibus Sem Catraca.

Um ônibus da frota do sistema urbano atenderá a comunidade sem estar equipado com catraca. O objetivo é proporcionar novas experiências e facilitar o acesso dos usuários ao ônibus.

O teste piloto terá 30 dias e está sendo realizado no ônibus prefixo 241, na L98 – Panazzolo / Vila Verde. O veículo roda identificado e adesivado.

O Ônibus Sem Catraca não isentará os passageiros do pagamento da tarifa.

A leitora do cartão Caxias Urbano ficará próxima ao motorista e o pagamento poderá ser feito pelo cartão da bilhetagem eletrônica ou em dinheiro, como ocorre atualmente.

Após o período de testes, a SMTTM e a Visate reavaliarão o projeto para decidir a continuidade ou não da iniciativa.

A vantagem do ônibus sem catraca é que ele permite maior mobilidade do público dentro do veículo. A catraca representa uma barreira que não contribui na facilidade de acesso e de circulação aos usuários.

A opção pela linha L98 – Panazzolo / Vila Verde é o fato de o itinerário ter grande índice de utilização do cartão Caxias Urbano. Dados da concessionária revelam que aproximadamente 88% dos usuários da linha optam pelo pagamento por meio eletrônico.

Além disso, a L98 – Panazzolo / Vila Verde presta atendimento à Associação dos Pais e Amigos dos Deficientes Visuais (Apadev).

Durante todos os 30 dias do período de teste, iniciado na terça-feira (23) haverá um segundo funcionário da concessionária dentro do ônibus, além do motorista, para prestar apoio aos usuários nas novas referências de localização, e também para esclarecer a comunidade acerca dos trâmites do projeto Ônibus Sem Catraca.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. GASPAR PJ AMPARO disse:

    Aqui É Brasil,Londres É LOGO ALÍ…COPIEM AS LEIS E A EDUCAÇÃO DE LÁ PRIMEIRO…

  2. Marco Antônio da Silva disse:

    Ideia de jericó! Deveriam se preocupar em prestar um bom serviço a população!

  3. Maria das Graças da Silva disse:

    Cadê os Ônibus pequenos que passavam pela Rodoviária, Postao 24 hs (Upa Central) e Forom e os Micro Ônibus Azulzinhos que faziam o Shopping Iguatemi aos Domingos. Antes de inventar outras coisas com o Transporte Urbano recoloquem o que foi tirado. Uma vez que todo o comércio está aberto e o povo na rua vamos VOLTAR A NORMALIDADE DOS ÔNIBUS QUE O POVO PRECISA.

  4. Marinês Lautert disse:

    na hora do pico mais atraso como o motorista fazendo as duas coisas dirigir e cobrar, só quem ñ usa pra ter essa idéia.

Deixe uma resposta