BRT Sorocaba requalifica Zona Norte da cidade ao valorizar e dar visibilidade ao comércio

BRT Sorocaba, Corredor Itavuvu

Sistema de ônibus rápidos ampliou o fluxo de pessoas nas Avenidas Itavuvu e Ipanema, e com isso novos varejistas e empresas se estabeleceram na região

ALEXANDRE PELEGI

O transporte público como ferramenta para requalificar espaços urbanos de uma cidade.

O que já é conhecido por estudiosos do assunto pode já ser observado em Sorocaba, interior de São Paulo, com a entrada em operação do sistema BRT.

Os ônibus rápidos produziram um fluxo diário de 1500 viagens, transportando 52 mil pessoas diariamente. São números que mostram como a ativação do BRT aumentou a circulação de pessoas nas Avenidas Itavuvu e Ipanema.

Para implantar o sistema, cerca de 25 km de vias foram revitalizadas, com 76.000 m² de asfalto recapeados e 5 km de calçadas refeitas. Isso ajudou na valorização e visibilidade do comércio, e dos empreendimentos e imóveis localizados nos trechos.

O diretor de operações do BRT Sorocaba, Manoel Ferreira, explica que com maior capilaridade e a reorganização do transporte público, os sorocabanos estão realizando mais deslocamentos para a zona Norte com mais agilidade, previsibilidade e segurança. Isso, explica, tem potencializado o movimento de público na localidade.

Com isso, o comércio e as empresas da região passam a ser melhor qualificadas.

Mais pessoas estão andando de ônibus para chegar ao comércio local. Desde a inauguração do BRT, notamos a abertura de várias lojas novas, seja um grande varejista a pequenos empresários. Acreditamos que devido às vias requalificadas, organizadas, monitoradas e com transporte de qualidade tem atraído a população, pois se sentem mais seguros. Ver essa nova realidade nos anima, porque sabemos que o projeto BRT está ajudando também o desenvolvimento da nossa cidade”, destaca Ferreira.

O BRT permite que os deslocamentos sejam mais rápidos, reduzindo atrasos em congestionamentos, proporcionando conforto e satisfação dos passageiros. São alguns dos atributos que fazendo com que o fluxo de público cresça, e demonstrem que a melhoria do sistema de transporte favoreceu também a dinâmica da região e da economia local.

Ferreira explica que a chegada do BRT trouxe inúmeras benfeitorias para todos, desde o comerciante ao morador do bairro com vias requalificadas, melhorias de paisagem, visibilidade para o comércio, área monitorada, progresso do trânsito, a valorização de imóveis e o aumento na circulação de pessoas.

Ele vislumbra que esses mesmos ganhos chegarão para a zona Oeste quando as obras do Corredor Oeste forem concluídas.

Uma cidade mais sustentável se apoia na eficiência do território urbano: basta apenas concentrar esforços para requalificar, modernizar e manter o existente. Este papel tem no transporte público um agente de destaque.

OBRAS DO BRT IMPULSIONARAM ECONOMIA

As obras na zona Norte impulsionaram a economia do município com a geração de emprego e renda. No período de construção do Corredor Itavuvu e do Terminal Vitória Régia, os serviços possibilitaram o surgimento de mais de 350 empregos diretos e 1050 indiretos.

A BRT Sorocaba priorizou a contratação de mais de 81 fornecedores de serviços e 128 de materiais da região, dessa forma, injetando capital no comércio.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Marco Antônio da Silva disse:

    Há alguns meses atrás tirei o dia para conhecer o BRT Sorocaba SP e confesso que me agradou muito, não eram horários de pico mas me agradou! Aquela linha norte-sul foi bem planejada, não sou morador e nem Sorocabano mas a prefeitura de lá está de parabéns, finalmente acertaram um bom projeto!

  2. Jair Lourival Moreira disse:

    Só não ficou legal, porque não tem a terceira pista,o BRT tomou conta desta terceira pista ,virando um gargalo trânsito complicado.(idéia,o BRT deveria usar normal sim está pista,obs: só no horário de pico dás 0500hs às 0800hs para falar a verdade)urbes abra o olho o BRT não é tudo isso.

  3. CARLOS AUGUSTO DA SILVA disse:

    o acesso a atanasio soares vindo pela itavuvu sentido centro ,foi fechado esta semana, causando acumulo de veiculos na avenida ,nao seria melhor aumentar uma faixa ao invés de fechar ,a urbes simplesmente faz ,ai depois ve como fica ,, falta um pouco de inteligência nesta empresa, um estudo mais abrangente da situação, e nao o faz depois ve como fica

  4. Fernando Bonfim disse:

    A o trânsito na zona norte está um orror, muitos carros, poucas faixas semáforos dessincronizados (um abre o próximo fecha) gerando acúmulo de veículos. Nao há vias alternativas. Brt foi um tiro no pé do trânsito. Além de que no Mc Donald da itavuvu fica uma fila de carros travando a pista, e isso nenhuma autoridade faz nada.

Deixe uma resposta