Macaé (RJ) emite em média 300 autuações por mês a empresa de ônibus

Fiscalização é feita diariamente para verificar cumprimento e observância dos critérios de segurança e acessibilidade dos veículos, inclusive com a emissão de autuações, de acordo com critérios da legislação vigente. Foto: Divulgação.

Prefeitura iniciou processo de estudo para nova licitação no sistema, com o objetivo de melhorar qualidade dos serviços prestados

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Macaé, no Rio de Janeiro, informou que emitiu em média 300 autuações por mês à empresa do transporte coletivo nos últimos três meses.

Além disso, a administração municipal informou que iniciou um processo de estudo para nova licitação no sistema, com o objetivo de melhorar qualidade dos serviços prestados.

Os trabalhos de fiscalização são realizados diariamente por uma equipe de fiscais da Coordenadoria de Transportes da Secretaria de Mobilidade Urbana.

Segundo a Prefeitura, o trabalho é direcionado ao cumprimento e observância dos critérios de segurança e acessibilidade dos veículos, inclusive com a emissão de autuações, de acordo com critérios da legislação vigente.

Assim, os fiscais atuam diariamente em turnos, atendendo os critérios estabelecidos na legislação vigente, principalmente no critério de segurança dos veículos e estão orientados para pronta intervenção, caso seja identificado algo que fuja ao protocolo estabelecido. O trabalho é realizado em pontos fixos e volantes em vários locais do município.

“Desde o início deste ano estamos focados em resolver as questões complexas que envolvem o transporte coletivo urbano. Já conseguimos avançar em vários aspectos, colocando mais ônibus em circulação e readequando linhas. Também já iniciamos o processo de estudo para uma nova licitação no transporte. Já há alguns anos não eram oportunizados um número de ônibus como esse para a população. A realidade que encontramos foi muito crítica e, a questão do transporte ainda tem muita coisa a ser melhorada. Continuamos pressionando a concessionária responsável pelo transporte porque precisamos que ela renove essa frota”, detalhou o secretário de Mobilidade Urbana, Jayme Muniz, em nota.

200 ÔNIBUS

Em setembro, Macaé atingiu a marca de 200 ônibus coletivos urbanos à disposição da cidade, representando quase 100%, em relação aos 105 ônibus que atendiam os usuários do serviço de transporte público, em janeiro deste ano. Em junho, mais 40 ônibus com wifi passaram a circular para atender às exigências feitas pelo município, a fim de reduzir o tempo de espera para o deslocamento dos usuários. Lembrando que a passagem no município para quem tem o Cartão Macaé R$ 1,00 e que pode ser usado sem limite diário ou mensal.

Relembre:

Macaé (RJ) reforça frota de ônibus e chega a 200 veículos em operação

Além disso, um estudo da equipe de planejamento da Coordenadoria de Transportes já iniciou a adequação de linhas de ônibus, que atendem os bairros do município para melhorar o atendimento aos usuários. Os Terminais Cehab, Lagomar e Parque de Tubos também serão reformados.

AJUDA EMERGENCIAL

Em 2020, a empresa de ônibus SIT Macaé informou que buscava ajuda financeira emergencial para conseguir continuar operando na cidade.

Relembre:

Empresa de ônibus de Macaé (RJ) busca auxílio financeiro emergencial para continuar operando

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta