Diário no Sul

Funcionários da Carris em Porto Alegre iniciam paralisação parcial

Foto: Tiago Bittencourt/Reprodução Twitter

A frota da empresa nas ruas será reduzida

WILLIAN MOREIRA

Trabalhadores da empresa de ônibus Carris iniciaram uma paralisação parcial do transporte coletivo em Porto Alegre, estado do Rio Grande do Sul, nesta quinta-feira, 2 de setembro de 2021.

A decisão de interromper parte do serviço é uma forma de protesto contra a desestatização da empresa e a redução de cobradores.

Conforme decisão entre a Carris e o Stetpoa (Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte) no TRT (Tribunal Regional do Trabalho) nesta terça (31), caso for mantido 65% da frota nas ruas, a Carris não tentará cobrir a redução dos ônibus com outras empresas ou descontar o dia de trabalho dos grevistas.

Desde a madrugada os funcionários que desejam trabalhar já se apresentaram na garagem e os veículos estão circulando com um detalhe de uma faixa colada no letreiro, também como ato de protesto.

Como mostrou o Diário do Transporte, os trabalhadores da Carris deflagraram uma paralisação de protesto contra a privatização da empresa no dia 23 de agosto. Relembre:

Carris de Porto Alegre opera parcialmente em protesto contra privatização de empresa nesta segunda (23)

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta