Informe publicitário

Transformação digital no transporte público: como as operadoras podem se reinventar a partir da tecnologia?

Para garantir eficiência em um ambiente tão complexo como é a operação de um sistema de transporte público, assegurando a diminuição dos custos e a geração de renda, o investimento em tecnologia é fundamental.

A conectividade dos dispositivos online, as tecnologias mobile, os novos meios de pagamento e outras inovações estão dando opções cada vez mais abrangentes para o setor se reinventar e superar uma crise que já vem se prolongando há alguns anos.

Por meio dessas tecnologias é possível conectar processos, dar mais agilidade às operações de bilhetagem e ampliar as funcionalidades, o que contribui diretamente para a melhoria da experiência do usuário com o transporte público.

Por outro lado, nem sempre é possível trazer essas inovações para as operações de uma vez só. Muitas vezes, uma modernização completa do sistema não é uma estratégia a ser executada de forma imediata.

Projetar para curto, médio e longo prazos é fundamental, mas contar com uma bilhetagem robusta e preparada para integração faz toda a diferença

Pensar em como os sistemas de transporte podem crescer em curto, médio e longo prazos é fundamental antes de avançar para projetos de modernização, principalmente levando em consideração a forma como todas essas tecnologias disponíveis no mercado podem se integrar para trazer resultados consistentes para as operações.

Mais importante ainda é ter a certeza de que o fornecedor do sistema de bilhetagem — que é o centro de qualquer operação — oferece a segurança e a flexibilidade suficientes para que o operador adicione recursos de forma escalável, hoje e no futuro. Ou seja, o parceiro de tecnologia precisa dar oportunidade para que o sistema de transporte possa crescer em recursos e funcionalidades, com independência e liberdade de escolha, garantindo os níveis elevados de segurança que os dados da bilhetagem precisam.

Pensando em todas essas variáveis e em como as operadoras do transporte podem se preparar para essa transformação, a Empresa 1 desenvolveu um guia explicando o conceito de bilhetagem digital multisserviços. Nesse modelo, a plataforma de bilhetagem passa a ser um hub e garante aos operadores a autonomia e a flexibilidade para selecionarem soluções e inovações para seus sistemas, garantindo maior aderência às necessidades dos seus negócios.

O e-book também traz exemplos práticos de como essas integrações podem acontecer, levando em consideração toda a complexidade envolvida na operação de um sistema de transporte público.

Para ter acesso ao material completo, acesse http://conteudo.empresa1.com.br/bilhetagem-digital-multisservicos.

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta