Abertas inscrições para terceira fase do teste da Pesquisa Origem Destino do Metrô-SP por aplicativo de celular para o público geral

Segundo companhia, esta última etapa vai avaliar a viabilidade de uso da tecnologia para as próximas pesquisas; Participantes concorrem a 50 prêmios de R$ 500

ADAMO BAZANI

O Metrô de São Paulo informou que abriu nesta segunda-feira, 30 de agosto de 2021, que foram abertas as inscrições para a terceira fase do Teste-Piloto da Pesquisa Origem Destino (OD) Digital.

O objetivo do novo modelo de pesquisa é coletar dados de deslocamentos na Grande São Paulo com o uso de um aplicativo de smartphone.

Esta etapa é aberta a todos os públicos, que poderão concorrer a prêmios pela participação, ajudando o Metrô a avaliar a possibilidade de uso de novas tecnologias na elaboração dessa pesquisa, segundo nota da estatal.

“Para participar, o interessado deve instalar o aplicativo Pesquisa OD Digital em seu smartphone Android e fazer a inscrição entre os dias 30 de agosto e 10 de setembro de 2021. Ao ser aprovado, deve autorizar a coleta dos seus dados de localização durante sete dias consecutivos. Neste período, o aplicativo informa os locais visitados, além dos horários de saída e chegada de forma fácil e interativa. Em três desses dias, o pesquisado deve editar as viagens pelo aplicativo, informando o motivo e o modo de deslocamento utilizado. Os detalhes sobre a inscrição e a pesquisa podem ser encontrados no site www.oddigital.com.br – explica a empresa

O Consórcio Cittamobi-Oficina, responsável pela execução da pesquisa, vai sortear aos participantes que concluírem a pesquisa corretamente 50 prêmios de R$ 500 que poderão ser utilizados em diferentes lojas parceiras.

O projeto tem sido feito em etapas e o objetivo principal neste momento, de acordo com a Companhia, não são os resultados estatísticos de mobilidade, mas analisar a eficiência deste novo método de pesquisa e o que pode ser aperfeiçoado para uma possível aplicação nas próximas edições da Origem e Destino do Metrô.

O trabalho de apuração, desenvolvimento e aplicação da tecnologia, incluindo o pagamento dos prêmios, vem sendo realizado pelo Consórcio Cittamobi-Oficina, que desenvolveu um aplicativo exclusivo para a Pesquisa OD Digital, disponível para a plataforma Android, na loja de aplicativos Google Play.

O Metrô informou ainda que os resultados desse piloto poderão embasar a decisão de como serão feitas as próximas pesquisas. Na última OD, foram visitados mais de 100 mil domicílios e a tecnologia poderá agilizar a coleta dos dados no futuro.

Na nota, a empresa ainda explica o que é a Pesquisa Origem Destino

A Pesquisa Origem Destino é o maior levantamento de mobilidade urbana realizado no Brasil. Feita a cada 10 anos pelo Metrô de São Paulo, a pesquisa busca entender a mobilidade e a forma como as pessoas se deslocam na Região Metropolitana de São Paulo. Isso possibilita o mapeamento dos deslocamentos da população e das atividades econômicas da metrópole para o planejamento do transporte público.

Feita desde 1967, a OD se tornou uma ferramenta estratégica para a gestão eficiente. Com o levantamento e o entendimento dos fluxos diários daqueles que estudam, trabalham e passeiam, as administrações públicas podem usá-la também para desenvolver políticas de saúde, educação, segurança pública e desenvolvimento urbano.

Na última edição, feita em 2017, foram 11 meses de trabalho para a coleta das informações com 156 mil pessoas nas 39 cidades que formam a Região Metropolitana de São Paulo. As entrevistas foram feitas em residências e também em rodovias, aeroportos e terminais rodoviários.

O relatório final e o banco de dados completo estão disponíveis pelo Metrô no site http://www.metro.sp.gov.br/pesquisa-od/  .

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta