West Side é única empresa a apresentar proposta em concorrência do transporte em Itu (SP)

Empresa opera atualmente o transporte em Louveira. Foto: Reginaldo Vieira / Ônibus Brasil

Após ter sido habilitada na primeira fase, empresa do Grupo Belarmino participou da abertura da proposta comercial no dia 26 de julho

ALEXANDRE PELEGI

A empresa West Side Viagens e Turismo, do Grupo Belarmino, foi a única empresa a participar da sessão de abertura do envelope 02 (proposta comercial) da licitação de concessão para o transporte coletivo urbano de Itu, interior de São Paulo.

Caso esteja tudo ok, o próximo passo será a publicação do resultado no Diário Oficial.

Realizada na quinta-feira, 29 de julho de 2021, às 09h, a West Side estava habilitada após participar da primeira fase do certame, ocorrida no dia 12 de julho.

Assim foi aberto o envelope da proposta comercial, que ora se encontra em análise pela prefeitura. Em caso de aprovação da Comissão de Licitação, o resultado será homologado e adjudicado.

Com prazo de concessão para 15 anos, o edital definiu que a escolha será pelo menor valor da tarifa. Atualmente a passagem em Itu está em R$ 5.

A West Side opera o transporte urbano de Louveira (SP) desde agosto de 2018. A empresa opera 8 linhas com 10 ônibus, e presta serviços para cerca de 35 mil passageiros.

Como mostrou o Diário do Transporte, no dia 16 de março de 2021 a prefeitura realizou uma audiência pública para apresentação e coleta de informações e sugestões com vistas ao projeto da concessão do serviço do transporte coletivo.

Atualmente o transporte municipal é atendido pela empresa Viação Itu (Vitu) por meio de contrato emergencial. A Viação Avante, que operava anteriormente em conjunto com a Vitu, não está mais no serviço. As duas empresas também integram o Grupo Belarmino.

A Viação Avante presta serviços de fretamento para empresas e realiza excursões e viagens turísticas para escolas, clubes, instituições e pessoas físicas, e foi adquirida em 1993 pelo Grupo Belarmino. Atualmente, conta com 174 colaboradores diretos. No setor de fretamento, a frota é composta por 56 veículos.

Já a Viação Itu (Vitu) opera 12 linhas do transporte coletivo urbano de Itu, conta com 163 colaboradores diretos e tem uma frota composta por 47 ônibus, entre os quais veículos articulados.

HISTÓRICO

No final de seu mandato, em 2000, o então prefeito Leonel Salvador prorrogou o contrato com as duas empresas, estendendo-o por mais 20 anos.

O novo prefeito, Lázaro Piunti, ao assumir em 2001, acionou a Justiça para revogar a prorrogação da concessão, mas não conseguiu.

Desta forma, o prazo da prorrogação venceu recentemente, o que levou a prefeitura a ultimar os processos para realizar nova licitação do transporte local.

Enquanto isso, para a cidade não ficar sem transporte, a prefeitura contratou os serviços da Vitu em caráter emergencial por 180 dias.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Fabio Almeida disse:

    Seis por meia dúzia

  2. Marco Antônio da Silva disse:

    Decepção! Achei que teria mais candidatos,mas com o tamanho do investimento a ser feito muita gente pulou fora!

    1. Márcio Soares disse:

      Decepção é saber que é do mesmo dono,Belarmino. 😡

    2. Márcio Soares disse:

      Decepção é saber que é do mesmo dono,Belarmino

  3. Márcio Soares disse:

    Decepção é saber que é do mesmo dono,Belarmino

  4. Sérgio AntônioLeite disse:

    Só irão trocar de cores os carros da viação itu deveria trocar os políticos de itu sobre empresa de circular voltar como era antes em questão de horários que está péssimo e a prefeitura deveria fazer faixa única na rua dos Andradas em horário de pico seria da Rua Benjamin Constant até rua joaquim Borges mas demais fatos sobre empresa de circular se a o mesmo .

Deixe uma resposta