Várzea Grande recebe 10 novos ônibus para sistema municipal já adaptados para alimentar BRT

Até 2023, serão 65 ônibus renovados

Veículos têm portas à esquerda; Sistema de ônibus rápidos que vai unir cidade à capital Cuiabá será de responsabilidade do Governo de Mato Grosso

ADAMO BAZANI

A prefeitura de Várzea Grande, em Mato Grosso, apresentou nesta segunda-feira, 14 de junho de 2021, dez novos ônibus para o sistema de linhas municipais.

Os veículos comprados pela União Transportes já possuem adaptação para serem alimentadores do sistema de BRT (ônibus rápidos) de responsabilidade do governo Estadual que vai ligar a cidade à capital Cuiabá.

Os ônibus possuem portas à esquerda para se integrar com o corredor e à direita para o tráfego em vias comuns.

Segundo a prefeitura, os investimentos foram de R$ 7,2 milhões.

Na apresentação dos veículos, o prefeito Kalil Baracat disse que há um cronograma de renovação até que os 65 ônibus do município sejam trocados: em 2019, foram colocados 20 ônibus novos; neste ano de 2021, foram dez unidades; em 2022, devem ser outros 15 e; no ano de 2023, a previsão é que sejam colocados em circulação 20 ônibus novos.

Os ônibus apresentados nesta segunda-feira (14) possuem ar-condicionado com filtro antiviral e luz ultravioleta que podem eliminar o coronavírus causador da covid-19, wi-fi (internet grátis), acessibilidade por meio de elevadores para pessoas com mobilidade reduzida, assentos especiais para pessoas com deficiência, em recuperação cirúrgica, idosos, gestantes e pessoas com obesidade; além de balaústres demarcados para pessoas com deficiência visual.

Na área de tecnologia, os veículos contam com sistema antifraude de bilhetagem eletrônica nos validadores (biometria facial), quatro câmeras de monitoramento (uma frontal direcionada para o trânsito e outras três filando a área dos passageiros e GPS.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes  

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta