Comil apresenta novo micro-ônibus Piá com design mais moderno e configuração para ampliar conforto

Segmento de ônibus leves é uma das apostas da indústria nacional de ônibus

ADAMO BAZANI

A fabricante de ônibus Comil, de Erechin (RS), apresentou integralmente nesta quinta-feira, 10 de junho de 2021, o “novo Piá”, nome conhecido na linha de micro-ônibus da marca, que, segundo a empresa, não surge apenas com design renovado, mas incorpora funcionalidades e configurações para melhorar a praticidade ao operador e ampliar o conforto aos passageiros e motoristas.

POLTRONAS E AR-CONDICIONADO:

As poltronas são de um novo modelo com melhor ergonomia, em especial para viagens curtas e médias, aplicações para as quais o veículo é predominantemente destinado.

Também foram disponibilizadas novas opções de revestimentos.

Ainda de acordo com a Comil, o ar-condicionado ganhou um novo direcionamento para “valorizar o conforto térmico” do passageiro.

CABINE DO MOTORISTA E GRADE DIANTEIRA:

Outra novidade no modelo, segundo a fabricante, é que a cabine do motorista recebeu melhorias funcionais.

As mudanças foram elaboradas para trazer ganhos no campo de visibilidade e deixar o painel com mais fácil acesso e manuseio de todos os comandos eletrônicos.

Já a grade dianteira tem um novo sistema de abertura com o objetivo de facilitar manutenções e inspeções dos equipamentos.

DESIGN E ACESSO AO BAGAGEIRO:

Visualmente, o novo Piá traz linhas curvas, com a intensão de modernizar o design.

Houve atualização em especial nas partes dianteira e traseira.

O modelo ganha luz diurna com DRL (Daytime Running Light) e novas delimitadoras superiores de LED.

Outra novidade destacada pela empresa foram mudanças para melhorar o acesso ao bagageiro.

Segundo a Comil, por meio de nota, o “novo micro Piá já está disponível para comercialização, as primeiras unidades produzidas já estão sendo entregues em breve para os clientes”.

A fabricante não informou quais empresas compraram os primeiros lotes.

MICRO-ÔNIBUS E FRETAMENTO:

O lançamento da nova versão do micro-ônibus Comil Piá ocorre em um momento de crise na indústria brasileira de veículos em decorrência da pandemia de covid-19.

Entretanto, alguns segmentos do mercado de ônibus têm se destacado e auxiliado a puxar os números para cima.

Ao lado dos ônibus escolares, os micro-ônibus e o fretamento têm registrado resultados melhores que de outros segmentos, como urbanos e rodoviários, estes mais suscetíveis às restrições de circulação impostas pela pandemia.

O novo Piá abarca justamente os segmentos de micro-ônibus e grande parte da aplicação do modelo é para o fretamento.

Com as exigências de distanciamento social entre os trabalhadores transportados no fretamento, as empresas contratantes destes serviços acabam necessitando de mais ônibus para atender à mesma quantidade de funcionários, o que tem sido uma oportunidade para as companhias de ônibus fretados.

Entre janeiro e abril de 2021, os emplacamentos de todas as marcas de ônibus acumulam alta 13,8% (4.472 unidades) em relação ao primeiro quadrimestre de 2020, de acordo com o Denatran

Esta alta está baseada em fretamento (641 unidades alta de 120%) e escolares (1494 unidades, alta de 249%). Os urbanos tiveram queda de 47% (1048 unidades) e os rodoviários amargaram perdas de 54% de (194 unidades)

Entre janeiro e abril de 2021, foram 1095 unidades de micro-ônibus, alta de 31% em relação ao mesmo período de 2020.

Veja mais imagens

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Valdenicio Jerônimo da Silva. disse:

    Boa noite.
    Eu tenho micro ônibus pia 2002 e gosto muito desse veículo, e esse novo já está ser tornando um sonho…
    Valdenicio Jerônimo da Silva.

Deixe uma resposta