Com dez pontos de bloqueio, São Bernardo do Campo (SP) aborda mais de 1,6 mil veículos no primeiro dia do toque de recolher

GCM fechou quatro estabelecimentos. Foto: Ricardo Cassin / PMSBC.

Segundo a administração municipal, multas continuam sendo aplicadas, mas foco da Prefeitura é orientar pessoas que estão nas ruas após as 22h

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, abordou mais de 1,6 mil veículos no primeiro dia do toque de recolher, nesta segunda-feira, 31 de maio de 2021.

O balanço foi divulgado pela administração municipal nesta terça (1º), após a realização da Operação de Toque de Recolher. Com a medida, a circulação das pessoas está restrita das 22h às 4h. No período, ônibus municipais e intermunicipais não circulam.

Confira as regras, na íntegra:

Serviço: Como serão restrições e toque de recolher em São Bernardo do Campo a partir de segunda (31)

Ao Diário do Transporte, a Prefeitura informou que multas continuam sendo aplicadas, contudo, as autuações são em último caso, pois o foco da Prefeitura é orientar pessoas que estão nas ruas após as 22h.

ESTABELECIMENTOS FECHADOS

Durante o primeiro dia de vigência da ação, que restringe o funcionamento do comércio e serviços, a Guarda Civil Municipal realizou o fechamento de quatro estabelecimentos comerciais, por desrespeito às normas sanitárias, enquanto outros 1,6 mil veículos foram abordados nos dez pontos de bloqueio espalhados pelo município.

Segundo balanço divulgado pela Guarda Civil Municipal, das 22h às 4h, as equipes da corporação orientaram 2.337 pessoas e atenderam seis ocorrências aglomeração em praças e vias públicas, resultado na dispersão de 80 pessoas que estavam presentes nesses locais.

Comandada pela GCM de São Bernardo, a operação contou ainda com apoio de agentes das polícias Civil e Militar, equipes da Vigilância Sanitária e da Secretaria de Obras e Planejamento Estratégico. Durante a operação, não houve registro de pancadões e festas irregulares na cidade.

BLOQUEIOS
Para conter a circulação de veículos e pedestres na cidade, a Prefeitura de São Bernardo implantou bloqueios de segurança em diversas regiões, incluindo o Centro, Taboão, Piraporinha, Riacho Grande e Vila São Pedro. O patrulhamento de rotina e as rondas ostensivas também reforçaram a ação.
Os endereços não foram divulgados para não prejudicar o andamento da operação.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Antônio disse:

    Toque de recolher é tão ridículo e absurdo quanto a administração medíocre deste prefeitinho, atitude estúpida que só faz atrapalhar a vida das pessoas.aa

  2. Elmarques disse:

    Isso é uma palhaçada, um absurdo.
    Cadê o decreto presidente?

  3. Jorge disse:

    Isso aí só serve pra quebrar os comércios engraçado que o Virus só ataca depois das 22 hs?

Deixe uma resposta