Linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda passam para o novo concessionário em 25 de janeiro de 2022

Informação é do secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy. Foto: Adamo Bazani.

Objetivo é celebrar a transição no aniversário da cidade de São Paulo

WILLIAN MOREIRA

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, confirmou em entrevista para sites especializados em transporte nesta segunda-feira, 31 de maio de 2021, que a entrega das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda para o novo operador será realizada no próximo aniversário da capital paulista, em 25 de janeiro de 2022.

A data é quando o Governo de São Paulo espera ter concluído todas as etapas legais da transferência de responsabilidade e operação das linhas que ligam o centro de São Paulo até o município de Itapevi e a Zona Sul da capital até Osasco, na Grande São Paulo.

Tanto a transição principal quanto as etapas de transferência de operações devem acontecer entre setembro e janeiro do próximo ano, como explicou Baldy para o Diário do Transporte.

“Nós publicamos a homologação no sábado [29 de maio] da decretação do vencedor, portanto eles têm que apresentar as documentações e as respectivas assinaturas para celebrar essa contratualização. A transição deverá ocorrer entre setembro e janeiro, salvo engano, posso aqui estar errando por um pequeno lapso temporal, mas o nosso objetivo para ser sincero é a transferência depois de transição, no aniversário da cidade de São Paulo, dia 25 de janeiro de 2022, os objetos da Linha 8-Diamante e 9-Esmeralda para o novo concessionário, passado todos esses trâmites que são necessários.”

O primeiro passo será a assinatura formal do contrato, que acontecerá em 30 de junho deste ano e deve contar com a presença do governador, João Doria, finalizando o processo na data simbólica escolhida, o aniversário da cidade de São Paulo.

“A assinatura do contrato está prevista para o dia 30 de junho de 2021, portanto posteriormente são trâmites necessários, mas o nosso objetivo é que a gente consiga transferir os objetos das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda no dia 25 de janeiro de 2022”, afirmou o secretário.

CONCESSÃO

O Governo do Estado de São Paulo publicou no último sábado, 29 de maio de 2021, homologação do Consórcio ViaMobilidade Linhas 8 e 9, como vencedor do processo licitatório de concessão das ligações pelos próximos 30 anos.

O consórcio, formado pela CCR e Ruas Invest, ofertou o valor de R$ 980 milhões na disputa em que superou as concorrentes com a maior outorga oferecida.

Relembre:

Governo de São Paulo homologa CCR e Ruas como vencedores da licitação das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Alfredo disse:

    E aí Doria se livra de resolver os problemas diários com a superlotação, isso é uma confissão de sua incompetência em administrar os transportes públicos, pra que pagamos tantos impostos se o governo não faz nada com eles para o bem da população? Desde que o PSDB chegou ao poder só se fala em concessão e privatizações, mas taxas e impostos só aumentam, esse governo é uma piada

    1. Luiz A Taulois da Costa disse:

      Que ignorancia, nunca na historia de Sao Paulo tivemos tantos investimentos no transporte sobre trilhos , a situaçao de carregamento da malha é pela falta de investimento anterior . Até a renovacao das frotas o ultimo trem novi colocado em servico na CPTM foram.os 25 Mafersa em 1985/86 . Hoje toda frota énova, com ar condicionado , sao.6 milhoes de passageiros transportados sobre trilhos diariamente, e com.as privatizacoes o numero aumentará

Deixe uma resposta