Prefeitura de Palmas (TO) revisa contrato com empresa do transporte coletivo

Preço da passagem atualmente está em R$ 3,85. Foto: Paulo Roberto / Ônibus Brasil.

Medida foi tomada após Expresso Miracema pedir um reajuste da tarifa para R$ 6,91

WILLIAN MOREIRA

A prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, informou nesta quarta-feira, 12 de maio de 2021, que o contrato entre o município e a empresa Expresso Miracema está sendo revisado, ao mesmo tempo em que um novo formato de concessão do serviço de transporte coletivo está sendo elaborado.

De acordo com a prefeita, em 2022 será realizada uma nova concessão do setor, na qual a qualidade do atendimento e um preço justo serão requisitos.

A medida foi tomada depois de a Miracema entrar na Justiça pedindo um reajuste do preço da passagem dos atuais R$ 3,85 para R$ 6,91, como maneira de amenizar os impactos da pandemia. O reajuste seria de 79,4%.

O pedido efetuado em 06 de maio ainda não foi analisado pela Justiça , mas no documento os advogados da empresa já citam que o valor é impraticável ao passageiro, pedindo que a Prefeitura de Palmas complemente a diferença através de subsídios.

“Foram 30 anos de abusos … o palmense merece transporte público de qualidade e com valor justo. A revisão do contrato, assim como proposta do novo formato da concessão já estão em andamento. Impossível quererem transferir p/ o povo uma bomba dessas, sem condição”, disse Cinthia Ribeiro nas redes sociais.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta