Escalonamento das atividades econômicas em Aracaju (SE) entra em vigor

Toque de recolher está mantido. Foto: Thiago Alex/Ônibsu Brasil.

Objetivo da Prefeitura é diminuir em até 36% a ocupação do transporte coletivo

WILLIAN MOREIRA

Entrou em vigor nesta segunda-feira, 12 de abril de 2021, o decreto nº 6.422/2020, que determina novas regras de funcionamento escalonado das atividades econômicas no município de Aracaju.

A Prefeitura projeta diminuir o fluxo de passageiros de 30% a 36% nos horários de pico com este escalonamento direcionado para shoppings centers, supermercados, galerias, minimercados e lojas de departamento, que passam a funcionar das 10h às 19h e o setor de atividades empresariais e comércio que podem abrir das 9h às 18h.

“Acabei de assinar o decreto municipal com as novas medidas de combate ao coronavírus. Além da manutenção do toque de recolher, do fechamento de praias e áreas de lazer no fim de semana, avançaremos em outro aspecto importante, que é a mobilidade urbana e a quantidade de pessoas que utilizam o transporte coletivo diariamente. Buscando uma solução para a lotação dos ônibus em horários de pico, resolvemos adotar uma medida inovadora de escalonamento do horário de funcionamento das atividades comerciais e serviços não-essenciais”, disse o prefeito Edvaldo Nogueira, em nota divulgada para a imprensa após assinatura do decreto.

A restrição de acesso as praias, parques e a circulação a noite estão mantidas através também de um toque de recolher diário das 20h às 5h até 15 de abril.

O decreto também criou um comitê de monitoramento do regime de escalonamento que ficará responsável por analisar dados e as informações do andamento da medida no decorrer dos dias, incluindo a participação da SMTT (Superintendência de Transporte e Trânsito) que pode realizar ajustes no transporte caso for preciso.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta