Conselheiro Lafaiete amanhece sem ônibus nesta terça (23)

Ônibus em Conselheiro Lafaiete/Arquivo

Trabalhadores não colocaram os coletivos nas ruas. Contrato com a Viação Presidente terminou no domingo (21)

ADAMO BAZANI

Dificuldades para os passageiros de ônibus em Conselheiro Lafaiete, em Minas Gerais.

A cidade amanheceu nesta terça-feira, 23 de março de 2021, sem transporte coletivo.

Com salários e benefícios atrasados, além de estarem sem plano de saúde, os funcionários da Viação Presidente não colocaram os coletivos para operar.

O contrato com a Viação Presidente terminou no domingo (21) e os novos administradores, que são do Rio de Janeiro, não depositaram os atrasados na segunda-feira (22) conforme tinham prometido, segundo os trabalhadores.

O Diário do Transporte não conseguiu contato com a empresa. Os telefones só chamavam, mas ninguém atendia.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Paulo Almeida disse:

    Repetindo.
    Eu Paulo Almeida mais sr.Luiz Barretos foram quem deram inicio a transação de negociação para o grupo do Rio de Janeiro assumir Conselheiro Lafaiete. Com o combinado, negociar parte financeira com antigo dono, assumir e pagar a folha atrasada, fornecedores, sentar com prefeito e reestruturação da frota, para poder para poder haver renovação de contrato.
    Mas tudo que disseram, foram palavras ao vento, empresários sem responsabilidades,
    Eu adoro pecomil desculpas, deveria ter investigado antes de fazer esta negociação.
    A irresponsabilidade deles e tanto, que nem atendem mais telefones.
    Sinto muito aos trabalhadores, e munícipes por deixar esta cólera penetar nessa cidade.
    Esqueçam, eles não vão fazer nada, tirem eles rápido daí, que é bom capaz de nem sobrar um pneu na garagem

Deixe uma resposta