Agetransp autoriza reajuste da tarifa do Metrô Rio para até R$ 6,30

Agência Reguladora recomendou que alternativas sejam buscadas para reduzir os impactos do aumento

WILLIAN MOREIRA

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro (Agetransp) homologou o reajuste anual da tarifa do Metrô do Rio de Janeiro, com aumento de 25,71%. O percentual eleva a passagem para R$ 6,30.

No ato da aprovação deste reajuste, a Conselho Diretor recomendou ao Governo do Estado que buscasse alternativas que determinem um valor menor, ou diminua os impactos para a população neste momento de pandemia.

O aumento será efetuado apenas no mês de abril deste ano, tempo em que os órgãos governamentais vão determinar outro indexador para definir uma alteração de tarifa, já que os 25,71% destacados foram feitos com base no IGP-M, meio previsto no contrato de concessão.

Veja abaixo a nota da agência na íntegra enviada ao Diário do Transporte:

“O Conselho Diretor da Agetransp homologou o reajuste anual da concessionária MetrôRio e recomendou ao governo do Rio de Janeiro a buscar alternativas para reduzir os impactos do aumento na tarifa. O índice do reajuste foi de 25,71%, calculado com base no IGP-M – indexador previsto no Contrato de Concessão. O Governo do Estado do Rio, através da Casa Civil e da Secretaria de Transportes, iniciaram estudos para a adoção de outro indexador. O reajuste só entra em vigor em abril.”

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta