Motoristas de aplicativo realizam manifestação na Avenida Jacu-Pêssego, em São Paulo

Manifestação ocorre nas proximidades da Avenida Professor João Batista Conti. Foto: Cláudia Catari/Reprodução Twitter.

Segundo a CET, duas faixas estão interditadas no sentido Mauá, o que causa lentidão em linhas de ônibus

JESSICA MARQUES
Colaborou Willian Moreira

Um grupo de motoristas de aplicativo de transporte (como Uber e 99) realiza uma manifestação na Avenida Jacu-Pêssego, na Zona Leste da capital paulista. O ato teve início por volta de 12h40 desta sexta-feira, 05 de março de 2020.

Ao Diário do Transporte, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) informou que duas faixas estão interditadas no sentido Mauá. O tráfego na região é intenso e as linhas de ônibus que operam no trecho estão sendo afetadas.

Os manifestantes estão próximos à Avenida Professor João Batista Conti, na altura do número 7.157 da Jacu-Pêssego. Ao todo, duas faixas estão bloqueadas e as outras duas, liberadas. Portanto, não estão sendo aplicados desvios, mas há lentidão no local.

Confira abaixo as linhas de ônibus municipais afetadas:

354M-10 – Terminal São Mateus;
3732-10 – CPTM José Bonifácio;
3738-10 – COHAB Juscelino;
3742-10 – Jardim Laranjeira;
3751-10 – COHAB Prestes Maia;
4020-10 – Jardim Novo Horizonte.

O motivo da manifestação é a decisão dos governantes paulistanos de realizar um “lockdown” como estratégia contra a pandemia de covid-19. Por volta das 17h, caminhoneiros também realizaram um ato na mesma avenida, protestando contra as medidas do governo.

Leia também:

ÁUDIO: Doria não descarta “lockdown” no Estado de São Paulo que entra na fase vermelha neste sábado (06)

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta