Cidades do Vale do Rio Pardo, no sul do país, decretam lockdown regional a partir das 20 horas desta sexta (05)

Transporte coletivo em Santa Cruz do Sul. Foto: Bruno Pedry / Gazeta do Sul / Arquivo

Associação reúne 16 municípios, e decisão coletiva visa impedir a circulação desnecessária de pessoas pelas ruas e a transmissão do vírus entre as cidades

ALEXANDRE PELEGI

Em decisão coletiva, tomada pela Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp), entidade que reúne 16 cidades do estado do Rio Grande do Sul, ficou decretada a partir das 20 horas desta sexta-feira, 05 de março de 2021, o fechamento total de todas as atividades não essenciais em toda a região.

Desta forma, neste final de semana todo o Vale do Rio Pardo estará em lockdown, e as forças de segurança municipais e estaduais estão autorizadas a abordar a população e solicitar que as pessoas voltem para casa.

Cada cidade ficou de editar um decreto adequando a medida às suas situações locais.

No caso do transporte coletivo, as prefeituras haviam decidido paralisar a circulação dos ônibus no domingo (07).

A prefeitura de Santa Cruz do Sul, no entanto, alterou o decreto e decidiu manter o funcionamento do transporte coletivo, em virtude da necessidade dos serviços essenciais, principalmente da área da Saúde. As linhas seguem com horário reduzido na cidade.

No caso de aplicativos de transporte e táxi, cada cidade limita o uso a dois passageiros por veículo, e poderão funcionar durante o período de lockdown com itinerários somente com destino às atividades essenciais.

Em toda a região será permitido o funcionamento exclusivo de atividades essenciais, e as farmácias podem funcionar sem restrição no sábado (6). Já no domingo (7) deverão abrir apenas por tele entrega, pegue e leve e drive-thru.

Já minimercados, supermercados, macroatacados, padarias e açougues podem funcionar no sábado (6) até as 20 horas, e no domingo o funcionamento está permitido somente das 7 horas às 12 horas.

Restaurantes, trailers, food trucks, lanchonetes e lancherias só funcionarão por telentrega até as 22 horas.

A medida coletiva de lockdown regional abrange todas as cidades da Amvarp: Boqueirão do Leão, Candelária, Encruzilhada do Sul, General Câmara, Gramado Xavier, Herveiras, Mato Leitão, Pantano Grande, Passo do Sobrado, Rio Pardo, Santa Cruz do Sul, Sinimbu, Vale do Sol, Vale Verde, Venâncio Aires e Vera Cruz.

O objetivo é evitar que o vírus circule pelas cidades da região.

As prefeituras não temem que a medida vá gerar novo impacto no comércio e nas demais atividades econômicas consideradas não essenciais. Isso porque estas já estão impedidas de funcionar devido à bandeira preta, determinada pelo governador do estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, no dia 27 de fevereiro deste ano, e que vale pelo menos até domingo dia 14 de março de 2021.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta