Chuva forte em São Paulo atrapalha transporte na tarde desta quarta-feira (17)

Imagem: captação TV Bandeirantes

Às 16h10, CGE já previa Estado de atenção para alagamentos em toda a cidade de São Paulo

ALEXANDRE PELEGI / WILLIAN MOREIRA/ADAMO BAZANI

Os transportes coletivos foram afetados por causa da forte chuva que atingiu a capital e a Grande São Paulo na tarde e noite desta quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021.

No início da noite, o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) da prefeitura de São Paulo, registrava 23 pontos de alagamentos na capital paulista, entre transitáveis e intransitáveis.

Segundo a Viação Pirajuçara a Ruados Piemonteses, na zina Noroeste da capital paulista foi alagada As linhas 490 e 213 foram prejudicadas e o trânsito na Rodovia Raposo Tavares, no km 15, Carrefour, também foi prejudicado.

Por volta das 17h já havia um ponto de alagamento intransitável na Rua Chico Pontes (Vila Guilherme), na Zona Norte. Por causa disso, quatro linhas de ônibus que passam pelo local têm intervalo de viagem afetado.

Veja as linhas com alterações abaixo:

119C-10 – Parque Edu Chaves
172N-10 – Metrô Belém
271M-10 – Parque Novo Mundo
1721-10 – Metrô Carandiru

A chuva também atingiu fortemente o ABC Paulista na tarde desta quarta-feira, 17 de fevereiro de 2021, se prolongando na noite.

Diversos pontos de alagamentos foram registrados prejudicando o transporte coletivo e a circulação em geral.

Ônibus e trólebus ficaram ilhados em regiões como nas proximidades do Terminal Santo André.

Foram afetados ônibus gerenciados pela EMTU, incluindo a Metra, e os coletivos municipais.

A linha 10 – Turquesa (Brás/Rio Grande da Serra) da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) operou com velocidade reduzida no início da noite por causa de acúmulo de água.

Houve também problemas de fornecimento de energia elétrica e sinal de internet em bairros como Paraíso e Capuava, em Santo André

Às 16h10 o CGE – Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas já previa Estado de atenção para alagamentos em toda a cidade de São Paulo com chuva forte na Zona Sudeste e Zona Sul, em Cidade Ademar e Santo Amaro. “Próximas horas com tempo instável devido a chuvas que atuam no interior se deslocarem para SP”.

Chove forte na Zona Oeste, região da Estação Morumbi, e na Av Francisco Morato, mas ainda sem ponto de alagamento (às 17h30). Por volta das 17h45 ponto de alagamento na Francisco Morato, em frente ao Supermercado Assaí.

Choveu forte na Penha, Zona Leste.

No ABC Paulista, a chuva é forte também. Partes das cidades de Santo André, São Bernardo do Campo e Mauá registraram raios e queda de granizo.

Na região do bairro Paraíso, em Santo André, há oscilação de energia elétrica nas residências.

Chove forte também em Taboão da Serra. Jardim São Judas com alagamento. Em frente ao Shopping Taboão também há registro de alagamento.

Às 17h30 a concessionária Arteris informou que havia ponto de alagamento intransitável no km 274 da Regis Bittencourt. Linhas de ônibus atrasam operação devido à forte chuva, coletivos não conseguem passar. Por volta das 20h00, o local já estava liberado. mas ainda havia congestionamento como reflexo.

Também a partir das 17h30 o CGE registrou mais pontos intransitáveis causados por alagamento:

– Estrada do Campo Limpo Sentido: Bairro/Centro, Referência: Rua Ivar Beckman. Este ponto afeta pelo menos três linhas urbanas no sentido bairro/centro:

745M-10 – Shopping SP Market
746V-10 – Hospital Campo Limpo
8700-10 – Terminal Campo Limpo

– Na região do Campo Limpo o Córrego do Morro do S transbordou. Na zona sul e localidades como Vila Andrade e Taboão da Serra, chuva intensa.

– Rua Dr Luiz Migliano (Vila Andrade) Sentido: Ambos. Referência: R Mal Hastinfilo de Moura (superado alguns minutos depois)

– No M’Boi Mirim, na Avenida Maria Coelho Aguiar (Jardim São Luis) Sentido: Centro/Bairro. Referência: Praça Alceu Amoroso Lima.

–  Avenida  Santo Amaro (Campo Belo), Sentido: Bairro/Centro, Referência: Av Prof Vicente Rao.

– às 17h50 o CGE registrou alagamento intransitável  na Avenida Roque Petroni Junior (Itaim Bibi), sentido: Marginal/Diadema – Única, referência: Av Sto Amaro

– Na Zona Sudeste, bairro Vila Mariana, alagamento na avenida Vinte e Três de Maio (Liberdade), ambos os sentidos. Referência: Vd Gal Euclides de Figueiredo

– às 17h50 ponto intransitável no Túnel Papa Joao Paulo II (República). Sentido: Santana/Aeroporto – Única, Referência: Altura do Número 1: Acesso Av 23 De Maio

Na Avenida Jornalista Roberto Marinho (Campo Belo), Sentido: Marginal/Aeroporto, ponto de alagamento mas sem impedir o tráfego de veículos.

Na região do Ipiranga, por volta das 18h, dois pontos intransitáveis:

– Av. Prof. Ascendino Reis, em ambos os sentidos. Referência: Praça Juca Mulato

– Viaduto Grande São Paulo, Vereador Manoel de Oliveira Sala Sentido: Ipiranga/V Prudente – Única

Também por volta das 18h, ponto de alagamento no Elevado Presidente Joao Goulart (Barra Funda), sentido: Lapa/Penha. Referência: Rua Ana Cintra.

Alagamento na Praça Roberto Gomes Pedrosa, no Morumbi.

Ainda às 18h, dois pontos intransitáveis:

– Avenida Ibirapuera (Moema), Sentido: Ambos – Única. Referência: Av Macuco

– Avenida Dr Ricardo Jafet (Ipiranga) Sentido: S Paulo/Santos – Única. Referência: Rua Vergueiro

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

William Moreira, especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. E ela chegou, vai deixar muito rastro de destruição, seja captial ou região metropolitana, lá na frente quando tudo parar, veremos os danos, e a inércia das prefeituras, em primeiro as quedas de arvores, como acabei de ver na Band, uma arvore cair sobre um carro de empresa(cor branca), sorte que o motorista saiu rapidinho…

Deixe uma resposta