Santo André (SP) segue Doria e publica decreto municipal com regras da fase vermelha para fim de semana

Objetivo é conter disseminação do novo coronavírus. Foto: Angelo Baima/PSA.

Segundo a Prefeitura, a fiscalização será intensificada

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Santo André, no ABC Paulista, vai seguir a determinação do governador João Doria, que deixa todo o estado de São Paulo na fase vermelha da quarentena nos fins de semana.

Além disso, a gestão Paulo Serra publicou um decreto municipal com regras da fase vermelha para o próximo fim de semana, dias 30 e 31 de janeiro de 2021.

Em nota, a administração municipal informou que, nestes dias, vão funcionar na cidade apenas os serviços essenciais (mercados, postos de combustível, hospitais, farmácias, etc), visando assim evitar aglomerações e conter a disseminação do novo coronavírus.

Desta forma, durante estes dois dias as atividades e serviços não essenciais poderão funcionar apenas pelo sistema de drive thru ou delivery, através de realizações comerciais por meio de aplicativos, internet, telefone ou outros instrumentos similares.

Ainda segundo a Prefeitura, os parques da cidade também estarão fechados no período. Já as atividades religiosas poderão funcionar com o limite de 50% de ocupação da capacidade total, bem como as medidas preventivas previstas nos protocolos sanitários.

Confira o decreto, na íntegra:

FASE LARANJA

A partir desta segunda (1º), Santo André retorna para a fase laranja com funcionamento das atividades não essenciais, pelo período máximo de oito horas, no horário das 06h às 20h, a ser estipulado por cada estabelecimento, observando-se o limite de 40% de ocupação da capacidade total.

A mudança para a fase laranja também foi definida por Doria. Na próxima semana haverá novo pronunciamento do Governo do Estado para a possível reclassificação das fases.

Relembre:

Doria deixa todo Estado na fase vermelha em fim de semana e à noite. Em dias úteis, 22% da população em vermelho e 78% em laranja

FISCALIZAÇÃO

Também por meio de nota, a Prefeitura de Santo André informou que a fiscalização será feita por meio da Operação Comércio Responsável e os estabelecimentos que descumprirem o decreto estão sujeitos à medidas como aplicação de multa, interdição e revogação do alvará de funcionamento.

“A Prefeitura tem intensificado a fiscalização em estabelecimentos comerciais, sobretudo em bares, para combater aglomerações e festas clandestinas, orientar quanto à falta do uso de máscara e multar locais que não estão seguindo os protocolos sanitários e de segurança, para a prevenção da Covid-19. As equipes de fiscalização trabalham desde março de 2020, quando teve início a pandemia, com equipes do Departamento de Controle Urbano da Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), Guarda Civil Municipal e Polícia Militar”, detalhou a administração municipal.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Ivrte disse:

    Não concordo com nada disso. Nós não temos governantes reais, isso tudo é uma mera fantasia.

  2. Rafael disse:

    Região da vila limita com sempre muitas lojas informam q vão abrir mesmo com o decreto e vão ficar com portas entre abertas e se chegar no local vão verificar e encontrar lojas com as portas fechadas e se a fiscalização ficar no local eles vão estar dentro das lojas mesmo com portas fechadas atendendo. Tem muitas lojas q não respeitam nenhuma regra e decreto. Por exemplo tem lojas se beneficiando dos auxílios do governo como auxílio emergencial fazendo funcionários receber do governo desde o começo da pandemia e mesmo nessa etapa q era para funcionários estar em casa recebendo pelo governo os donos das empresas fazem os funcionários trabalharem lucram com as lojas abertas sendo q era para elas estar fechadas e faturando muita grana e fazendo o governo pagar o funcionários por eles. Esses empresários estão se aproveitando de brechas e ganhando na costa do governo sem cumprir Oq era para ser feito corretamente. E ai sempre vamos fazer vista grossa para a bandidagem dando sempre razão a pilantras q se beneficiam disso.

Deixe uma resposta