Angra dos Reis (RJ) proíbe entrada de turistas em vans e ônibus com alimentos e bebidas

Além disso, fica estabelecido o fluxo máximo de 46 pessoas por embarcação devidamente legalizada. Foto: Divulgação.

Manipulação de comida em embarcações náuticas também está proibida por decreto

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, publicou um decreto proibindo a entrada de turistas em vans, ônibus e veículos similares com alimentos e bebidas.

Também não será permitida a manipulação de alimentos (petiscos, lanches, refeições a afins) nas embarcações (escuna, saveiros, catamarã, etc). Nestes casos, só será autorizada a comercialização de bebidas.

Além disso, fica estabelecido o fluxo máximo de 46 pessoas por embarcação devidamente legalizada e com alvará válido no município, mediante apresentação de nota fiscal em nome da agência.

As medidas têm como objetivo combater a Covid-19. A publicação do decreto foi feita nesta terça-feira, 12 de janeiro de 2021. Confira o documento, na íntegra:

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta