Cabreúva (SP) vai analisar legalidade do reajuste da tarifa de ônibus definido por gestão anterior

Passagem de ônibus municipais subiu para R$ 5 em 28 de dezembro de 2020. Foto: Divulgação.

Decisão de manter ou revogar aumento será tomada pelo prefeito Antonio Carlos Mangini 

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Cabreúva, no interior de São Paulo, vai analisar a legalidade do reajuste da tarifa de ônibus definido pela gestão anterior, do prefeito Henrique Martin.

Conforme noticiado pelo Diário do Transporte, a passagem de ônibus municipais subiu para R$ 5 em 28 de dezembro de 2020.

Relembre:

Tarifa de ônibus sobe para R$ 5 em Cabreúva (SP)

A nova gestão, sob comando do prefeito Antonio Carlos Mangini, vai definir se mantém ou revoga o aumento da tarifa.

Além do reajuste da passagem de ônibus, aumentos em tributos também estão sendo avaliados pela atual gestão.

NOTA

A administração municipal se posicionou ao Diário do Transporte sobre o assunto por meio de nota. Confira o posicionamento, na íntegra:

A Prefeitura de Cabreúva, sob o comando do Prefeito Antonio Carlos Mangini, iniciou seus trabalhos neste dia 04 de janeiro de 2021, segunda-feira.

Neste mesmo dia, foi pedido aos secretários de cada pasta para que identificassem todos os contratos ainda em vigor, incluindo o contrato do transporte público em questão.

Somente depois desta análise a Prefeitura poderá se posicionar sobre a legalidade ou não do aumento autorizado pelo antigo Prefeito Sr. Henrique Martin para o valor de R$5,00. Outros tributos quais aumentos também foram autorizados no final do ano passado estão em análise pelo atual Prefeito Antonio Carlos Mangini.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Everaldo disse:

    C esses animais andar de vagar e não passando por cima das pessoas já ajuda

Deixe uma resposta para Everaldo Cancelar resposta