Governo de São Paulo já discute tarifas dos transportes para 2021, mas reajuste será decisão de Doria

Definição é sobre valor da passagem na CPTM, no Metrô e nos ônibus da EMTU. Foto: Diário do Transporte.

Segundo o secretário Alexandre Baldy, avaliações estão sendo feitas dos pontos de vista operacional e econômico

WILLIAN MOREIRA / JESSICA MARQUES

O Governo do Estado de São Paulo já está discutindo as tarifas dos transportes metropolitanos para o ano de 2021. Entretanto, possíveis reajustes serão uma decisão do governador João Doria. A informação foi divulgada pelo secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy.

Cabe ao Estado definir os valores das tarifas dos ônibus da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) e do sistema metroferroviário, que inclui o Metrô de São Paulo e a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

“Essa será uma decisão que vai ser tomada pelo governador João Doria, mas ela está sendo discutida do ponto de vista operacional, do ponto de vista econômico e da circunstância que a cidade de São Paulo e o Estado de São Paulo passam. Mas no momento em que for adequado, o governador João Doria se pronunciará a respeito da questão tarifária”, afirmou o secretário. Ainda não há previsão para que o anúncio sobre o tema seja feito.

Baldy respondeu a um questionamento do Diário do Transporte sobre a possibilidade de um reajuste na tarifa do transporte coletivo durante um evento em que a CPTM recebeu dois novos trens para a Linha 13-Jade.

Relembre:

CPTM apresenta ‘trem natalino’ para a Linha 13-Jade (Aeroporto)

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Deixe uma resposta