Diário no Sul

Sindicato anuncia paralisação de ônibus em Foz do Iguaçu (PR) para esta terça (15)

Paralisação está prevista para ocorrer a partir das 8h. Foto: RPC Foz do Iguaçu.

Categoria protesta contra atraso no pagamento dos salários, do vale-alimentação, do 13º e pede a volta dos cobradores

JESSICA MARQUES

O Sitrofi (Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Rodoviário) anunciou uma paralisação de ônibus em Foz do Iguaçu, no Paraná, para esta terça-feira, 15 de dezembro de 2020.

A categoria informou à imprensa local que os motoristas vão cruzar os braços a partir das 8h. No horário, os veículos do transporte coletivo começariam a chegar ao TTU (Terminal de Transporte Urbano).

A categoria protesta contra o atraso no pagamento dos salários, do vale-alimentação, do 13° salário e pele a volta dos cobradores nas linhas mais movimentadas. O sindicato também é contra a intervenção no transporte coletivo.

VÍDEO: Prefeitura de Foz de Iguaçu (PR) decreta intervenção no sistema de transporte coletivo

Ao Portal da Cidade, o presidente do sindicato, Dilto Vitorassi, afirmou que não há garantia de que os serviços sejam retomados nos horários de maior procura, como meio-dia e final da tarde. Uma assembleia no próprio TTU no final da manhã vai decidir sobre esse ponto especificamente.

CRÉDITO PARA CUSTEAR TRANSPORTE COLETIVO

Em nota, a Prefeitura informou que enviou à Câmara um pedido de crédito para custear o déficit do sistema no período da intervenção, incluindo o 13º salário dos trabalhadores.

Confira a nota, na íntegra:

Tendo em vista o anúncio de paralisação do transporte coletivo pelo sindicato da categoria, previsto para esta terça-feira (15), o Governo Municipal de Foz do Iguaçu informa que desde o início da intervenção, no dia 2 de dezembro, o município já colocou em circulação 5 novos ônibus, contratou 7 novos motoristas e ampliou 15 horários de linhas.

O acompanhamento das linhas, com relação à ocupação dos ônibus, também é feito diariamente, a fim de ajustar a quantidade de veículos conforme a demanda de cada região.

Além de melhorar a qualidade do transporte para os usuários, o município está garantindo o pagamento dos salários dos trabalhadores e já colocou em dia 100% do vale alimentação deste mês para a empresa Cidade Verde e 70% para os trabalhadores da empresa Transbalan, com o compromisso de garantir os demais 30% até sexta-feira, 18 de dezembro.

O Governo Municipal enviará hoje à tarde para a Câmara de Vereadores um projeto de lei para aprovação de um crédito que irá custear o déficit do sistema no período da intervenção, incluindo o 13º salário dos trabalhadores. O prefeito Chico Brasileiro também assegurou que cinco novos ônibus serão colocados em circulação nos próximos dias.

A intervenção foi decretada por até 180 dias devido ao descumprimento do Consórcio Sorriso de suas obrigações tributárias, previdenciárias, trabalhistas, além da deficiência na qualidade da prestação do serviço.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta