Juiz de Fora enfrenta mais um dia sem ônibus da GIL

Ônibus da GIL fora da linha

Vans escolares estão fazendo as linhas. Empresa enfrenta problemas administrativos

ADAMO BAZANI

Por mais um dia, nesta sexta-feira, 27 de novembro de 2020, Juiz de Fora, em Minas Gerais, está sem os ônibus da Goretti Irmãos Ltda (GIL) em circulação.

No lugar, nas linhas que foram concedidas à empresa, estão operando vans escolares nas regiões Leste e Sudeste com a cobrança da tarifa convencional do sistema: R$ 3,75.

A companhia tem registrado diversas greves nos últimos meses por atrasos de pagamentos e salários, mas desta vez o Sinttro-JF (Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Juiz de Fora) disse que a garagem foi fechada, impossibilitando o trabalho.

Parte dos funcionários está parada desde outubro, quando acumularam os atrasos.

A empresa passa por problemas administrativos pelos quais parte da frota foi retida.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta