Irizar anuncia ônibus a Gás Natural com chassi Scania

Irizar i4 versão H, de 12,920m de comprimento sobre chassis Scania K320 EB 4X2 E6D CNG, o primeiro modelo da linha

Modelos foram desenvolvidos inicialmente para o mercado europeu

ADAMO BAZANI

A fabricante de ônibus Irizar anunciou nesta semana modelos movidos a Gás Natural Comprimido (GNC) e o Gás Natural Liquefeito (GNL).

A linha tecnologia e chassi da Scania e está destinada inicialmente para o mercado europeu.

Segundo nota da empresa enviada ao Diário do Transporte, entre os benefícios ambientais está a redução das emissões de CO2 entre 20 e 25%,  de NOx até 60% e de partículas mais de 98%.

“Além de um maior rendimento térmico que o diesel, se minimizam também as vibrações e as emissões sonoras entre 4-5 Db. Em relação ao custo operativo, se estima que sua redução pode chegar a 35%, dependendo da diferença entre o custo do gás e do diesel. O custo de manutenção segue similar ao de um veículo diesel convencional” – complementa a nota.

A fabricante ainda informou que autonomia de até 500 km na versão GNC e 1.000 km nos veículos de tecnologia GNL.

Estão disponíveis os seguintes modelos para gás natural:

– Irizar i4 e Irizar i3Ie de 12 a 15m na versão CNG – Gás Natural Comprimido

– Irizar i4, Irizar i6 e Irizar i6S de 12 a 15m em versão GNL – Gás Natural Liquefeito

O primeiro ônibus é o modelo irizar i4 de classe II, para atendimento metropolitano, para o transporte escolar ou fretamento.

Trata-se de um Irizar i4 versão H, de 12,920m de comprimento sobre chassis Scania K320 EB 4X2 E6D CNG.

O modelo possui quatro tanques cilíndricos longitudinais de 250 kg, tipo IV GNC, de um volume total de 1.260 dm3 e uma capacidade de gás de aproximadamente 240 kg.

CARROCERIAS COM AS MESMAS CAPACIDADES:

A Irizar aponta como uma das vantagens dos modelos é que as carrocerias têm as mesmas capacidades e características dos veículos a diesel.

Os veículos estão equipados com o mesmo sistema de climatização dos veículos a diesel. A altura interna, os porta-pacotes e a capacidade do bagageiro são iguais aos da versão diesel.

 O motorista conta com uma tela de controle de gás para cumprir todos os protocolos de segurança. Ele permite detectar vazamentos e controlar a inicialização do sistema de supressão de incêndio em aerossol com aditivo de água.

Estes veículos cumprem a norma R66.02, mesmo com 700 kg de peso extra no teto, e cumprem os protocolos de segurança térmica e de segurança mecânica, de acordo com o Regulamento 110.

Vale lembrar que a nova geração do modelo i4 foi apresentada em outubro de 2019 na feira internacional Busworld e a Irizar já conta com pedidos desses ônibus em sua carteira de vendas.

.Além dos veículos a gás natural, a Irizar conta com modelos de motor de combustão Euro 6D Diesel, HVO, B100, biogás, 100% elétricos, passando por ônibus com tecnologia híbrida paralela em seus modelos classe I e classe II para serviços urbanos e interurbanos.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta