SuperVia aumenta intervalos de viagens dos trens do Rio de Janeiro

Alterações já estão em vigor. Foto: Divulgação.

Concessionária afirma que houve queda de 40% no número de passageiros por conta da pandemia

JESSICA MARQUES

A SuperVia, concessionária responsável pela operação dos trens da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, aumentou os intervalos das viagens. As mudanças entraram em vigor nesta quinta-feira, 05 de novembro de 2020.

Atualmente, a concessionária está transportando 40% menos passageiros em relação ao que era observado antes da pandemia de Covid-19.

“A adequação da grade busca manter a sobrevivência da concessionária, fundamental para garantir o transporte público à Região Metropolitana do Rio de Janeiro e aos outros 11 municípios. A empresa vive quase que exclusivamente da venda de passagens e não conta com subsídios do Poder Público. Desde o início da pandemia, a SuperVia registra uma redução de mais de 56 milhões de passageiros, o que resulta, até o momento, em uma perda financeira de cerca de R$ 250 milhões”, justificou a empresa, em nota.

A concessionária não informou a quantidade de composições que serão desativadas. Segundo a SuperVia, o número exato dos trens que estarão em operação para atender ao limite máximo de ocupação de 60%, determinado pelo poder público, vai depender da demanda de cada dia, porque a operação é variável.

Os ajustes na grade operacional estão em vigor em todos os ramais, nos dias úteis e fins de semana, para adequar a operação dos trens à atual demanda.

“A concessionária, assim como outras empresas do setor de transportes, tem observado importante mudança na rotina dos passageiros, mesmo após a flexibilização das medidas de restrição por parte do poder público. Muitos mantiveram a redução de suas atividades externas, deixando de usar o transporte público”, detalhou a SuperVia, também em nota.

NOVA GRADE

A SuperVia informou que a nova grade manterá a taxa de ocupação das composições abaixo de 60%, limite máximo estipulado pelo Estado e fiscalizado pela Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro).

A empresa ressaltou que continuará cumprindo integralmente todos os decretos estaduais e a legislação vigente.

Novos intervalos nos horários de pico de cada ramal:

(dias úteis, no sentido fluxo)

 

Pico da manhã – a partir de 5/11 

 

Deodoro  Santa Cruz (5h às 7h)

Trens paradores

Entre Santa Cruz e Benjamim do Monte – intervalo médio de 16 minutos

Entre Campo Grande e Central do Brasil – intervalo médio de 11 minutos

As estações Deodoro, Madureira, Olímpica de Engenho de Dentro, Maracanã e São Cristóvão também são atendidas pelos trens expressos do ramal Japeri, com intervalo médio de 7,5 minutos.

 

Ramal Japeri (5h às 7h)

Trens expressos

Entre Nova Iguaçu e Japeri – Intervalo médio de 15 minutos

Entre Central e Nova Iguaçu – Intervalo médio de 7,5 minutos

 

Ramal Belford Roxo (5h às 7h)

Trens paradores – Intervalo médio de 25 minutos

 

Ramal Saracuruna (5h às 7h)

Central a Gramacho – intervalo médio de 12 minutos

Gramacho a Saracuruna – intervalo médio de 23 minutos

 

Pico da tarde – a partir de 5/11 

 

Deodoro – Santa Cruz (17h às 19h)

Trens paradores

Entre Central do Brasil e Campo Grande – intervalo médio de 9,5 minutos

Entre Campo Grande e Santa Cruz – intervalo médio de 19 minutos

 

As estações Deodoro, Madureira, Olímpica de Engenho de Dentro, Maracanã e São Cristóvão também são atendidas pelos trens expressos do ramal Japeri, com intervalo médio de 8,5 minutos.

 

Ramal Japeri (17h às 19h)
Trens expressos
Entre Central e Nova Iguaçu – Intervalo médio de 8,5 minutos

Entre Nova Iguaçu e Japeri – Intervalo médio de 17 minutos

 

Ramal Belford Roxo (17h às 19h)
Trens paradores – Intervalo de 29 minutos
 
Ramal Saracuruna (17h às 19h)
Central a Gramacho – intervalo médio de 13 minutos

Para conhecer todos os novos intervalos/horários e planejar suas viagens, os passageiros podem acessar supervia.com.br/planeje; ou entrar em contato com a SuperVia pelos canais de atendimento da concessionária (perfis nas redes sociais, site, SuperVia Fone no 0800.726.9494).

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta