Radial Transporte, na Grande São Paulo, abre vagas de emprego

Ônibus metropolitano da Radial

Processo seletivo é para profissionais como abastecedor, eletricista, funileiro, mecânico, pintor e tapeceiro. As vagas estão nas cidades de Mogi das Cruzes, Ferraz de Vasconcelos e Suzano

ADAMO BAZANI

A Radial Transporte, empresa de ônibus que atua na região do Alto Tietê, na Grande São Paulo, informou na manhã desta quinta-feira, 29 de outubro de 2020, que abriu processo seletivo para funções como abastecedor, eletricista, funileiro, mecânico, pintor, tapeceiro, entre outras.

As inscrições devem ser feitas apenas pela internet, no link:  https://jobs.solides.com/radial

As vagas estão nas cidades de Mogi das Cruzes, Ferraz de Vasconcelos e Suzano, mas os candidatos não precisam necessariamente morar nestas cidades.

O interessado deve ter o Ensino Médio completo, especialização na área de interesse e experiência prévia na função.

Por meio de nota, a coordenadora de Recursos Humanos da Radial Transporte, Júlia Pereira, disse que a reabertura das atividades econômicas estimulou a necessidade de novas contratações.

 “Este é nosso papel social e econômico dentro da comunidade. Uma família com renda fixa, com carteira assinada e benefícios, estimula a economia da região. A demanda aumentou com a reabertura dos shoppings, salões de beleza, academias, restaurantes e demais estabelecimentos comerciais, e estamos felizes em reabrir as portas para novos profissionais”, disse na nota.

A empresa ressaltou que durante as entrevistas presenciais serão seguidas recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) em relação à Covid-19: recipientes de álcool em gel estarão disponíveis nas áreas comuns, os candidatos devem usar máscara e respeitar o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre cada pessoa, e as salas serão higienizadas após cada participante.

A Radial, ainda na nota, informou que durante o período mais crítico da pandemia do ponto de vista econômico, adotou medidas, como o enquadramento na Medida Provisória 936, de redução proporcional de carga horária e salário, para evitar demissões.

“Durante os meses mais críticos da pandemia, entre maio e agosto deste ano, a Radial adotou medidas de redução salarial e de jornada de trabalho conforme estipulado pela Medida Provisória 936 para preservar os empregos, afastou temporariamente os funcionários considerados do grupo de risco, implementou rodízio semanal entre os colaboradores para evitar aglomerações e ainda distribuiu equipamentos de proteção individual (EPIs) para proteger a saúde dos motoristas, fiscais e cobradores.”

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta