Estação Francisco Morato recebe proteção contra chuva. CPTM não informa valores e prazos

Publicado em: 14 de outubro de 2020

Instalação da proteção lateral

De acordo com estatal, obra já estava prevista em contrato

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

A CPTM iniciou a instalação de placas de proteção na lateral da cobertura da estação de Francisco Morato da Linha 7-Rubi.

Ação acontece após a forte chuva que atingiu a região metropolitana em 09 de outubro de 2020, quando as plataformas ficaram molhadas e passageiros chegaram a abrir seus guarda-chuvas.

O Diário do Transporte questionou a companhia estatal sobre este serviço, buscando saber prazos de execução e valores, porém isto não foi informado pela empresa.

A CPTM, por nota, informou apenas que o serviço estava já previsto em contrato com a empresa que construiu a nova estação, mas este serviço não era primordial, o que vai contra o registrado pelos passageiros.

Veja a nota na íntegra.

“A instalação de placas laterais na cobertura da Estação Francisco Morato, na Linha 7-Rubi da CPTM, já estava prevista em contrato com a empresa responsável pela construção do empreendimento e não era primordial para a inauguração da estação, assim como outros serviços que continuam sendo executados nesta etapa final do contrato. A estação de 6 mil metros de quadrados, totalmente acessível para portadores de necessidades especiais e com um sistema antienchente, foi entregue quatro meses antes do final da vigência do contrato para melhorar o conforto e a segurança dos passageiros que utilizam o local e toda a Linha 7-Rubi, e a CPTM continua trabalhando para que isso seja mantido e ampliado.”

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta