Ex-funcionários protestam contra a Veleiro em Maceió

Publicado em: 25 de setembro de 2020

Crédito: Bruno Protasio/TV Pajuçara

Trabalhadores reivindicam pagamento de salários, verbas rescisórias e outros encargos

ALEXANDRE PELEGI

Um protesto de ex-funcionários da empresa Veleiro complica o trânsito na manhã desta sexta-feira, 25 de setembro de 2020, em Maceió (AL).

Os trabalhadores bloquearam a faixa azul (faixa exclusiva para ônibus) na Avenida Fernandes Lima, nos dois sentidos. Os ônibus foram bloqueados, e os passageiros precisam descer para seguir viagem a pé.

Houve confronto entre manifestantes e policiais, ao menos uma pessoa foi presa e os ônibus tiveram vidros quebrados.

O protesto é pelo pagamento de salários, além de outros encargos trabalhistas que a Veleiro deve aos empregados demitidos.

Os manifestantes foram demitidos em março desse ano e cobram o pagamento das rescisões dos contratos e outros direitos trabalhistas.

Mais de 140 trabalhadores foram desligados da empresa e até o momento não receberam as verbas rescisórias a que têm direito.

Agentes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) foram acionados para controlar o fluxo de veículos na região.

A Polícia Militar também se encontra na Fernandes Lima e acompanha a movimentação. Não há previsão para o término da manifestação.

Em agosto os trabalhadores já haviam realizado outro protesto, até hoje sem obter qualquer sucesso. Relembre: Rodoviários demitidos da Veleiro fazem protesto em Maceió nesta segunda, 31

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta