Maiorca, na Espanha, terá 81 ônibus ecológicos graças ao primeiro empréstimo sustentável assinado entre BBVA e a operadora de transporte Sagalés

Publicado em: 22 de setembro de 2020

Financiamento, no valor de 22 milhões de euros, permitirá à empresa de transportes prestar o novo serviço interurbano

ALEXANDRE PELEGI

A operadora de transportes Sagalés, em Maiorca, na Espanha, acaba de assinar um empréstimo com o BBVA (Banco Bilbao Vizcaya Argentaria) com vistas a minimizar o impacto ambiental da empresa e, assim, facilitar a transição para uma economia de baixo carbono.

O financiamento, no valor total de 22 milhões de euros (cerca de R$ 140 milhões), permitirá à empresa de transporte ter uma nova frota de ônibus intermunicipais em Maiorca.

Com este novo produto, a Sagalés promoverá a mobilidade sustentável na ilha e reduzirá sua pegada de carbono e impacto ambiental.

A assinatura do contrato de financiamento coincide com a Semana Europeia da Mobilidade (SEM), que decorre de 16 a 22 de setembro e cujo lema escolhido pela Comissão Europeia é ‘Por mobilidade sem emissões’.

Com os recursos, a Sagalés poderá adquirir um total de 81 ônibus intermunicipais, dos quais 98% serão veículos com propulsão sustentável e apenas 2% a diesel.

A previsão é que no final deste ano a Sagalés, juntamente com a empresa de transporte maiorquina Caldentey, dêem início ao serviço de transporte interurbano de Llevant e Migjorn (Maiorca) com estes 81 novos ônibus.

Dentre a nova frota estão quatro ônibus híbridos elétrico/diesel que contarão com pantógrafos – dispositivos na parte superior dos veículos para fornecimento de energia à rede aérea – e que permitirão que 100% do serviço seja executado no modo elétrico.

A tipologia destes novos veículos permitirá reduzir as emissões para a atmosfera de forma notável. Além disso, serão inauguradas rotas que irão melhorar a conexão e o serviço entre os diferentes pontos da ilha de Maiorca, oferecendo um transporte público seguro, acessível e sustentável.

As operações nas Ilhas Baleares incluem também ônibus adicionais para que, em caso de avaria, o serviço não seja afetado e possa ser efetuada uma manutenção adequada.

A duração do projeto está estimada em dez anos, com possibilidade de prorrogação por mais cinco anos.

A sustentabilidade é uma das prioridades estratégicas do BBVA. Queremos ajudar nossos clientes a caminhar em direção a um futuro mais sustentável. E fazemos isso com soluções concretas. Com propostas de valor inovadoras que permitem novos modelos de mobilidade nas cidades onde vivemos”, afirmou Ricardo Laiseca, Chefe do Gabinete de Sustentabilidade Global do BBVA.

Esta operação representa um passo à frente para um dos nossos objetivos estratégicos: o compromisso com a mobilidade sustentável e amiga do ambiente. Sustentabilidade, juntamente com igualdade e inovação são pilares fundamentais do plano estratégico da Sagalés. Trabalhamos todos os dias pela mobilidade responsável com o meio ambiente e as pessoas”, explica Ramon Sagalés, CEO da empresa.

O Grupo Sagalés abrange empresas com diferentes atividades relacionadas à mobilidade. A origem da marca é o transporte rodoviário regular de passageiros. Também opera serviços de transporte escolar, discricionário e turístico. Outras atividades relacionadas à empresa são transporte na área da saúde, administração de contratos públicos de bicicletas, agência de viagens, serviços de manutenção, administração de rodoviária, estacionamentos e administração de propriedades.

O Grupo conta com uma equipe de 1000 funcionários e uma frota de 770 veículos.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta