Estação Adolfo Pinheiro é reaberta após fim de sequestro

Publicado em: 8 de setembro de 2020

Policiais Militares logo após a ocorrência nos preparativos para reabertura da estação

Mulher foi mantida refém. GATE teve de ser chamado para negociar. Não houve feridos, de acordo com a PM

ADAMO BAZANI/WILLIAN MOREIRA

A estação Adolfo Pinheiro da linha 5-Lilás do Metrô, na zona Sul da capital paulista foi reaberta agora há pouco.

Segundo a ViaMobilidade, concessionária de linha, por volta de 19h00, foi “realizada abertura do acesso secundário da estação Adolfo Pinheiro. Trens obedecendo parada normalmente.”

O local estava fechado desde por volta das 16h00 devido a uma ocorrência policial.

Uma mulher foi feita refém por um homem portando uma faca.

Equipes do GATE – Grupo de Ações Táticas Especiais, da Polícia Militar, realizaram as negociações.

Por volta de 18h15, a polícia conseguiu acabar com o sequestro.

Não houve feridos e o homem foi preso.

Durante a ocorrência, a estação teve de ser fechada.

Os trens passavam direto pelo local, sem paradas.

De acordo com a ViaMobilidade, concessionária da linha, as demais estações funcionaram normalmente durante todo o período.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Colaborou Willian Moreira

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Marcos Borges disse:

    GRAÇAS A DEUS TERMINOU BEM ESSA OCORRÊNCIA. PARABÉNS PRA POLÍCIA QUE CONDUZIU A SITUAÇÃO DE FORMA CORRETA E LIBERTARAM A MULHER E PRENDEU ESSE VAGABUNDO. AGORA SE ELE VAI FICAR PRESO POR MUITO TEMPO É OOOOOOUTRA HISTORIA.MAS A POLÍCIA FEZ MUITO BEM A PARTE DELA.

  2. Marcos Borges disse:

    PARABÉNS PRA POLÍCIA QUE CONDUZIU A SITUAÇÃO DE FORMA CORRETA E GRAÇAS A DEUS TERMINOU BEM ESSA SITUAÇÃO.

Deixe uma resposta