Trecho do BRT Transoeste no Rio é interditado após ônibus invadir estação

Publicado em: 3 de setembro de 2020

Veículo transpôs estação. Foto: Redes sociais

Consórcio diz que motorista tentou desviar de carro da PM

ADAMO BAZANI / JESSICA MARQUES

Um trecho do BRT Transoeste no Rio de Janeiro está fechado na manhã desta quinta-feira, 03 de setembro de 2020, após um ônibus invadir a estação Interlagos na Barra da Tijuca, na Zona Oeste.

O acidente ocorreu por volta de 9h20 e, segundo o Consórcio BRT, o motorista tentou desviar de um carro da PM (Polícia Militar) no local.

“O BRT Rio informa que a estação Interlagos, do corredor Transoeste, está fechada após acidente sem acidente. O articulado colidiu com a estação após o motorista desviar de uma viatura da PM que utilizava a pista do BRT” – afirmou o consórcio numa postagem em reses sociais.

Ao menos 15 pessoas tiveram ferimentos sem gravidade de acordo com as primeiras informações dos Bombeiros.

A estação fica nas proximidades da Avenida da Américas. O ônibus seguia no sentido Barra e fazia a ligação  Santa Cruz-Alvorada.

RELATOS

De acordo com relatos dos passageiros, o acidente ocorreu após uma viatura da Polícia Militar entrar na frente do ônibus.

“O carro da polícia fica ali no Interlagos, naquela parada, eu trabalho aqui. Eles iam virar na pista. Ficam umas árvores e eles não viram o BRT. Para o BRT não passar por cima deles, entrou. O carro da polícia foi o culpado”, afirmou uma passageira.

“Vim aqui apavorada, peguei o 12, estou voltando para casa. É estranho, foi horrível. A gente não sabe o que fazer, não tem nem o que pensar na hora. A viatura entrou na frente do BRT. A sorte da gente foi o motorista, que era experiente. Se fosse um motorista ruim, tinha morrido um monte de gente hoje dentro desse BRT”, relatou outra passageira.

Os relatos foram enviados ao Diário do Transporte pela assessoria de imprensa do Consórcio BRT Rio.

Ouça:

CAUSAS

Em nota, a Prefeitura do Rio de Janeiro informou que as equipes ainda estão apurando as causas do acidente. Confira o posicionamento, na íntegra:

“A Prefeitura do Rio está no local onde ocorreu o acidente com o ônibus do BRT. Equipes da Secretaria Municipal de Transportes, CET-Rio, Guarda Municipal, Comlurb e Defesa Civil atuam, prestando o auxílio necessário e apurando as causas do acidente. Informa-se que, devido ao acidente, a estação Interlagos está fechada.”

O BRT Rio, por sua vez, esclareceu que seis pessoas, além do motorista, foram encaminhadas ao hospital com ferimentos leves. Contudo, ninguém se feriu gravemente.

Confira a nota do BRT Rio:

Na manhã desta quinta-feira, dia 3, um articulado colidiu com a estação Interlagos, no corredor Transoeste. Seis pessoas, além do motorista, foram encaminhadas ao hospital com ferimentos leves. Não houve feridos em estado grave. O BRT Rio seguirá monitorando o atendimento aos feridos. O acidente ocorreu quando o motorista do articulado precisou desviar de uma viatura da PM que invadiu a pista do BRT, no sentido Alvorada. A manobra do motorista evitou uma colisão de proporções ainda maiores. Devido ao acidente a estação Interlagos teve que ser fechada.

Adamo Bazani e Jessica Marques, jornalistas especializados em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Robson Gonçalves Júnior disse:

    Foi uma sensação horrível estou super preuculpado com o motorista na hora do desespero agente não ver nada a não ser se preocupar com quem está na frente graças a Deus não sofri nada somente perdi meu óculos de grau eu estava indo pro médico não tive forças e voltei pra casa mas se precisar de mim o consórcio brt Rio estou a disposição pra explicar o ocorrido melhor .

Deixe uma resposta