Vendas de ônibus acumulam queda de 34% entre janeiro e agosto, diz Fenabrave

Publicado em: 2 de setembro de 2020

Ônibus zero quilômetro para a Zona Sul de São Paulo

No acumulado do ano, Mercedes-Benz responde por 60,96% de participação no mercado

ADAMO BAZANI

Os emplacamentos de ônibus em todo o País acumulam uma queda de 34,05% entre janeiro e agosto deste ano em comparação com o mesmo período de 2019.

O dado faz parte do levantamento divulgado nesta quarta-feira, 02 de setembro de 2020, pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores.

Nos oito meses corridos deste ano, foram vendidos para o mercado interno 11.546 ônibus. Entre janeiro e agosto do ano passado, foram 17.507 unidades.

O principal motivo desta queda é a crise ocasionada pela pandemia de Covid-19.

O resultado entre julho e agosto mostra que a queda continua, mas em percentual menor que o acumulado e os meses anteriores: 6,13%. Em julho, foram emplacados 1.893 ônibus e em agosto, 1.777 unidades.

Isto é, mesmo em percentuais menores, a queda de vendas continua.

RANKING:

Desta no ranking de marcas de ônibus para a Mercedes-Benz, que sozinha, no acumulado entre janeiro e agosto, 60,96%.

Confira

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta